Red District This Side of the Moon 48 por C.C & Mel Kiryu

   


 Capítulo 48 por Mel Kiryu

                Não era a primeira vez que eu dormia em um canto e acordava em outro, também tinha acontecido na casa de campo, eu adormecera certa vez com a cabeça no ombro de Master e ainda sonolento percebi que tinha sido posto na cama, mas na ocasião... Eu estava cansado demais para questionar.
           Aconteceu de novo algo semelhante em meu primeiro dia no Host Club.
        Quando entrei sem bater no escritório de Master, não conseguia esconder meu receio diante das mudanças que Shuu tinha feito na minha aparência. No entanto, em nossa breve conversa, percebi que isso não era tão importante.

Red District This Side of the Moon 47 por C.C & Mel Kiryu


Prólogo - É só um desafio (por C.C)

Após o café com Hagane
Quando o dono da loja entrou mal reconheceu o seu estabelecimento. O chão repleto de folhas amassadas, como se uma árvore de bolas de papel tivesse nascido ali e começasse a perder as folhas, cercava a secretária do seu desenhista que atirava mais uma ao chão.
Do outro lado Watari rabiscava sem parar num caderno de folhas brancas que ia já a meio. As que faltavam certamente espalhadas à sua volta contendo aquilo que para ele seria mais um erro ou falha.

Hoshi wa shitte iru 21 por Rima-san & Mel Kiryu

           

  Prologo por Mel Kiryu

             " __ Acho que alguém aí me deve um pedido de desculpas."
   
            Foi a primeira coisa que eu ouvi, assim que atendi a ligação do Takehisa.
__ Oi para você também, Take.
__ Ah, agora me dá oi? Se você nem para me dar tchau ontem! 'Tá lembrado pelo menos? Pegou aquele teu amigo pelo braço e me deixou falando sozinho, Lang. Isso lá é coisa que se faça?
     Eu suspirei, Take tinha esse efeito sobre mim, eu suspirava e revirava o olhar.
__ Sei que não é, Take... Foi mal, me desculpe.
__ Hum! E você acha que eu vou aceitar essas desculpas mixurucas e deixar por isso mesmo?
       E a voz dele estava prá lá de injuriada, a conversa não acabava tão cedo.

Hoshi wa shitte iru 20 por Rima-san & Mel Kiryu


Capitulo 20
Nem tudo é cor de rosa, pode ser azul (por Rima-san)

          Depois de a conversa com Chiaru, ainda treinei um pouco depois do almoço, fiquei super feliz quando Lang me ligou combinando de nos encontrar na mesma esquina de sempre, quando perguntei por Vogel me convidou para ir a casa dele, eu estaria com a família dele? Eu não tinha a certeza mas isso me deixou nervoso.
           Dessa vez não pedi a Chiaru para me arranjar uma roupa, vesti um t-shirt e umas calças de ganga, infelizmente Chiaru tinha bom faro, já ia saindo de casa quando ela me perguntou onde eu ia, apenas falei que ia a um encontro, falou que aquela roupa não tinha assunto e me fez voltar para dentro.

Devalli Demons Capítulo 80 por Golden Moon


Capítulo 80


O olhar de Elizabeth tornou-se rígido novamente, como se articulasse algo para dizer antes que a mulher saísse completamente de sua residência,

— Tome cuidado para onde levará o seu filho, Sra. Seymour. Ainda há muitos deles por aí.

Lilian, já próxima à soleira da porta, virou-se repentinamente, pronta para respondê-la,

— E muito de vocês também. Não se preocupe, só preciso de tempo para me organizar.

A mulher retornou ao seu caminho, enquanto Jasmim voltava à sala, vermelha e esbaforida. Parou em meio ao cômodo, observando-nos cheias de dúvidas em seu semblante. Ela parecia a criatura mais inocente entre todos os presentes, porém, eu não queria estar em sua pele.

Linden Twins ♫ ♬ Capítulo Extra 14 x 41 por Mel Kiryu


Extra 
14 x 41 (quatorze versus quarenta e um)

        A pizza não demorou a chegar.
     Esse foi o almoço de Alicia acompanhado de uma lata gelada de refrigerante de cola, enquanto folheava os mangás yaoi que seu irmão tinha comprado na antiga livraria de Kuan.
    Ouviu a campainha tocar e pensou que fosse sua mãe.
    E no que abriu a porta, deparou-se com um homem mais velho de cabelos castanhos claros, de sorriso esperto e aquosos olhos azuis. Vestindo um camisão em tom xadrez por cima de uma camiza cinza de gola V, calças jeans em recorte démodé e bota de bico fino.
     Alicia percebeu todos esses detalhes num único olhar e gostou do que viu, achou charmoso o óculos dele deslocado no dorso do nariz e lhe sorriu.

Linden Twins ♫ ♬ Capítulo 83 por Mel Kiryu


Capítulo 83

      Seu olhar convergiu com o sorriso comum de Lalo, seus olhos azuis teatrais. 
            Mas, Luciel não fez menção de sorrir.
__O que pensa que está fazendo aqui sozinho com a minha irmã, Lalo?
__Opa! Calma aí, Luciel... Vim te dar um abraço de aniversário, já que ontem trabalhamos feito dois condenados no bar.
__Eu nem 'tô de bom humor para receber abraço, falô?__ Luciel refilou em tom de evidente mau-humor.__ Não sei quanto tempo faz que chegou, mas é melhor você vim outra hora... Lalo.
__Credo, achei que tinha saído com seu pai... Que bicho te mordeu?
__Depois conversamos... Eu te vejo mais tarde, no Feitiço da Lua.

Linden Twins ♫ ♬ Capítulo 82 por Mel Kiryu


Capítulo 82

          Ao ver de dentro do carro de seu pai a fachada rústica do restaurante Chaipatana, Luciel se deu conta que este era o mesmo restaurante tailandês onde Jiang costumava se encontrar com o próprio pai, Guzheng Linden.
     Não que já tivesse ido e comido no Chaipatana, mas era um restaurante que conhecia de nome e o fazia pensar em seu namorado ainda com uma intensidade maior, quase esquecendo que seu pai estava bem ao seu lado.