11.2.18

Red District This Side of the Moon 34 por C.C & Mel Kiryu

     
  Prólogo por Mel Kiryu

           Não demorou muito dentro da Houkan House.
       Tinha algo a confirmar e logo que obtera a informação que precisava com Obasan, deixara o prostíbulo. Fazendo uma pequena caminhada até seu carro estacionado a algumas quadras dali.
    Ocupou o banco do motorista espiando a movimentação da calçada pelos vidros cobertos com insulfilm e sacou o celular do bolso do blazer.
    Como de praxe, Genzo atendeu dois toques depois.

Red District This Side of the Moon 33 por C.C & Mel Kiryu


 Prólogo - Dilemas de um ex-mafioso por C.C

        A chuva caía preguiçosamente cobrindo o veiculo com gotículas que pareciam pérolas espelhando a luz dos candeeiros de rua. Faltavam poucas horas para o amanhecer mas não quis deixar a assunto para o dia seguinte. Ren dormia esticado nos bancos traseiros enquanto o telemóvel de Watari vibrava a cada minuto.
           A visita inesperada ao Host deixara-o intrigado. Em primeiro lugar não percebia porque haveriam de invadir o espaço se já andavam a vigiá-lo, aquela demonstração ridícula de poder não fazia sentido. Logo, sem dar nas vistas, fôra espreitar em alguns cantos mais sombrios tentando encontrar respostas para as suas desconfianças.

Hoshi wa shitte iru 7 por Rima-san & Mel Kiryu

             
  Prólogo por Mel Kiryu

                Assim que deixamos a Biblioteca, Hans despejou suas lamúrias nos meus ouvidos.
__ Você é inacreditável mesmo... Fugindo da conversa daquele jeito! O Ryouji é um cara legal, sabia?
              Eu dei de ombros e retruquei pouco interessado:
__ Quem é Ryouji?
__ Ah, cara! Estou falando do rapaz que nos atendeu na biblioteca... Por que você recusou ir na casa do prodígio do Kendo? Não querer me apresentar seus amiguinhos que dançam feito menininhas até entendo! Mas o Kinoshita está prestes a conquistar o título de Kyôshi... Entende? Ele será praticante professor!

O Segundo Anjo - Crônicas de Antuerpéria Parte 4 Chapter 10 por Mel Kiryu


Parte 4 Chapter 10 
Um encontro no passado entre o anjo e o menino triste

          Shou não sabia exatamente onde estava, embora aquele lugar não lhe fosse estranho.
      Caminhava  dentro do que parecia ser uma mata, afastava os galhos e folhagens que estavam em seu caminho procurando por uma saída, uma estrada, qualquer via que o tirasse dali.
     Em seu íntimo, sentia uma angústia estranha por estar preso em meio a vegetação fechada.
     Depois de passar por alguns eucaliptos, seus troncos robustos feito as laterais de um portão majestoso, chegou numa parte aberta onde havia unicamente uma cabana.

O Segundo Anjo - Crônicas de Antuerpéria Parte 4 Chapter 9 por Mel Kiryu


Parte 4 Chapter 9 A mais bela criação do demônio

        Desde que tentara encontrar a Cidade dos Magos, Elein usava como abrigo ao cair da noite uma gruta de entrada um tanto estreita, mas que era profunda em seu interior.
   Nas proximidades a fenda calcária encontrava água e conseguia peixes de água doce para se alimentar. Quase não havia árvores frutíferas naquela região.
   Antes do anoitecer, os dois anjos pararam para comer e descansar.
   Jang improvisou uma fogueira e se surpreendeu por Elein não demorar para aparecer com os peixes já limpos.
    Os dois comeram a observar o por do sol nas pradarias distantes, antes tocadas pela chuva que estiara a algumas horas.
    Nuvens escuras ainda vagavam no céu.

Hoshi wa shitte iru Capítulo 6 por Rima-san & Mel Kiryu


Capitulo 6
O que é preciso tem de ser!

        Meu dia tinha se tornado num vácuo.
        As imagens daquele sonho não me saiam da cabeça, Lang me beijando, dizendo que me amava, eu devia era estar carente, era como Ryouji dizia eu precisava de sair, conhecer meninas, mas isso de facto não me estava interessando, eu queria ver Lang.
_Katsuo! Se tens algo te incomodando apenas diz!_ Eu estremeci com as palavras de meu pai._ Talvez um pedido de desculpas a Sakura-san seria bom.
_Eu irei fazer isso._ Fiz uma reverencia e Yoshiaki riu-se.
_Do que te ris?_ Meu pai detestava brincadeira.
_Não me estou a rir otou-san, só acho que Katsuo foi um fraco em não aceitar se casar com  Sakura-san._ Eu fuzilei meu irmão, de facto o que ele me queria era provocar.

Hasu no Hana Capítulo 25 por Rima-san


Capitulo 25

Um suspiro de amor

Depois do almoço Kyoichi teve que voltar ao seu trabalho e Yasuhiko voltou a ficar apenas na companhia de Milu.
Masaki esperava-o já no escritório digitando no computador.
_ Então,  a tua visita fofa está causado muitos problemas? _  Masaki retirou os óculos sorrindo para Kyoichi.
_Yasuhiko causa menos problemas que tu. _ Kyoichi sentou de fronte á sua secretária mal humorado.
_Não precisas ficar com essa cara, apenas podias admitir que esse Yasuhiko é teu namorado.
_  Se eu admitir isso ficas satisfeito e não voltas a falar no assunto?_ Kyoichi suspirou encostando na cadeira. _ É isso é meu namorado satisfeito agora?

Devalli Demons Capítulo 69 por Golden Moon


Capítulo 69 

Finalmente, aquele dia pavoroso chegou.

Levantei-me da cama como tal qual um morto que se levanta de um caixão. Naquela noite, meu sono foi tão pesado e inquieto, que eu mal conseguia me recordar de qualquer passagem dos meus sonhos. Quando conferi o relógio na cabeceira da cama, ainda não eram nem quatro e meia da manhã. Considerando que eu tinha ido dormir extremamente cedo na noite anterior, já deveria prever que aquilo aconteceria. Porém, não consegui deixar de sentir um mau humor terrível e segui para a janela, tentado a assistir o nascer do sol.

Siga-nos no Facebook

o
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...