8.3.12

One Shot O Prazer da Noite por C.C

   
       Lá fora estava uma noite digna de Inverno. O vento soprava e chovia.
         Um edifício abandonado, anteriormente um museu, era agora habitado por criaturas da noite.
        Um rapaz, nem novo nem velho, talvez tivesse uns 18/19 anos, caminha pelos corredores vestindo um smoking, uma gravata e calçando umas sapatilhas.
                 Era alto, bem constituído, de cabelo preto e olhos azuis.
                Aproxima-se de uma porta de correr e empurra-a.
       A sala era desprovida de qualquer iluminação. O tecto de vidro deixava passar os clarões provenientes dos relâmpagos que caíam do céu naquela noite.


       O rapaz observa a sala. Uma multidão envergando vestidos e fatos de gala encontrava-se a conversar.
       Todos param ao vê-lo. Ele sorri mostrando uma das suas presas brilhantes e afiadas.
               Pelo que parecia, ele devia ser o mestre dos que estavam na sala.
        Como se de uma ordem se tratasse, ele estala os dedos fazendo com que a multidão enlouqueça e entrem num mar de prazer, luxúria e sangue.
          Vinda da multidão, uma rapariga com um vestido comprido cor-de-rosa com rendas roxas, aproxima-se dele que ainda se encontrava à porta.
         Encontrando-se à sua frente ajoelha-se e desaperta-lhe o botão e o fecho das calças.
     O rapaz olhava-a. Os olhos verdes dela brilhavam de excitação e o seu cabelo castanho preso com um travessão de prata, brilhava com os relâmpagos.
        Com a mão no peito dele, ela levanta-se lentamente deslizando a mão pelas saliências daquele corpo perfeito.
        De olhos nos olhos, com a respiração a bater na cara um do outro, ele tira o blaser e beija-a intensamente. Perdida na onde de prazer ela puxa-o para si. Por sua vez ele arranca-lhe o corpete com uma força selvagem que a faz gritar de satisfação.
       Livrando-se da saia, ela fica em lingerie. Era rosa como o vestido mas com rendas pretas.
      Tira-lhe a gravata e desaperta-lhe os botões da camisa deixando-o em tronco nu.
     Depois de mais alguns beijos ele inclina a cabeça da rapariga e lambe-lhe o pescoço provocando-lhe um arrepio na coluna.
    Ela acaricia-o incentivando-o e ele crava as suas presas no pescoço dela. Um fio escarlate começa a escorrer pelo pescoço dela até aos seios e ele, sorrindo, lambe-o. Ela geme de prazer e crava os dentes dela no pescoço dele enquanto as suas mãos deslizam até ao botão das calças já desapertado e daí até ao seu interior.
        Um relâmpago ilumina o resto da sala. Rapazes em boxers, raparigas em lingerie e outros até sem qualquer roupa estavam espalhados por todos os lados.
        Havia rapazes a sugarem sangue de raparigas enquanto lhe acariciavam os seios, e outras raparigas a fazerem-lhes sexo oral; raparigas com raparigas a beijarem-se, lamberem-se, sugarem-se… Até mesmo rapazes com rapazes a fazer o mesmo que as raparigas e ainda mais, a penetrarem-se.
Isso parecia divertir o rapaz.
         Uma coisa que acontece com aquela raça de vampiros é que têm um apetite sexual insaciável e quando algum desses vampiros goza entra em estado de dormência durante quase doze horas. Daí envolverem-se com outros do mesmo sexo. O efeito não é o mesmo, ou seja, obtém prazer sem precisarem de “desmaiar”.
       Depois de largar a rapariga no chão ele avança para o meio da multidão e senta-se num sofá de veludo negro ao fundo da sala.
              Duas raparigas sentam-se ao pé dele, uma de cada lado.
      Ele beija uma de cada vez e passa os braços por detrás delas.
     A sala fica negra como um beco sem luz e fica no ar o cheiro a sangue e o som dos gemidos.
                        Até que pela primeira vez o rapaz fala, sorrindo:
- Serão todas minhas.

FIM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi! (◍•ᴗ•◍)
Veio comentar?
Cada autor desse blog recebe um imenso incentivo a cada comentário.
(Comentários anônimos também são bem vindos ^^")
Agradecemos sua opinião! ٩(๑•◡•๑)۶
Mas, se for apenas comentar sobre erros de gramática, isso é dispensável.

Siga-nos no Facebook

o
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...