4.6.15

Enseada das Gaivotas Capítulo 11 por Mel Kiryu

                                                                       
                   

                                                                                     Capítulo 11
                                                           Um beijo real povoa os sonhos de quem dorme

            Dois dias depois
           Sábado pela manhã

           Para Kaji que estava acostumado a caminhar pela madrugada a dentro, dormir nesse horário era um verdadeiro desafio.
   Perdera o sono em meados da madrugada, primeiro permanecera ali estendido no futon a encarar a penumbra, a cama de Hei mais alta que o futon no escuro.
    Não tinha estado com June no dia anterior, o que representava um tremendo esforço.
    Suspirou tendo as mãos com os dedos enlaçados por baixo de sua nuca, todo esse esforço em não estar com June era por causa de Heisuke.

    De modo algum tinha comentado com seu amigo sobre o encontro que teria com June, aliás... A ansiedade que sentia a cerca do encontro fez Kaji abandonar o futon, ficar de pé na penumbra do quarto, caminhar macio e cuidadoso pelo piso, pelo quarto.
    Parou perto da cama de Hei a observá-lo dormir.
    Perguntava-se dobrando os dedos dos pés sobre o piso o motivo para Hei repudiar tanto sua suposta relação com June.
     E será que podia mesmo chamar de relação? Tinham feito sexo duas vezes, pouco sabia sobre June. Contudo, Kaji gostava do que via naquele rapaz miúdo e estava pensando nele sem parar.
    Por outro lado, não queria irritar Hei que não escondia o quanto se ressentia com a situação.
    “Ah, Hei...”__ Kaji tratou de reprimir outro suspiro e devagarinho, deitou-se de bruços na beira da cama ao lado de Hei, sentia a respiração calma dele em seu rosto a divagar para si mesmo no silêncio da noite.
     Entre um pensamento e outro, deteve-se a vislumbrar a pele dele mais morena que a sua, o cabelo de Hei num aloirado queimado pelo sol e pela água salgada, os olhos dele mexendo rapidamente sobre as pálpebras cerradas.
     Um indício de sonho.
     O que ele estaria sonhando?
     Não foi pensando em June que Kaji reencontrou o caminho do próprio sono perdido.
     Foi depois de formular essa pergunta que Kaji acabou pegando no sono na beira da cama ao lado de Hei.
                                                                  *****

             A claridade transpassava a janela embaciada pelo frescor da manhã.
          Heisuke teve um pequeno sobressalto em sua mente como se de súbito se surpreendesse por já ter amanhecido e seu tio não o ter chamado para trabalhar no barco pesqueiro tal como costumava.                            
       Tinha dormido profundamente, a cama mais aconchegante do que sempre.
     Não soube descrever a surpresa que o tomou num assalto quando percebeu que seu nariz estava quase tocando o nariz de Kaji, mas surpresa maior era ter o braço dele envolvendo seu corpo, a perna dele por cima da sua, da manta que tinha usado para se cobrir.
     Kaji se moveu um pouco e seus narizes se tocaram, o dele estava frio.
      O olhar de Hei ainda levemente enevoado pelo resquício de sono esquadrinhou o rosto de Kaji tão perto do seu e tornou-se ainda mais desperto quando ainda dormindo Kaji estreitou o abraço e diminuiu a distância entre seu corpos.
     Sua mente não processava pensamentos, mas sensações.
     A perna de Kaji pesando sobre a sua, o braço que não o queria soltar, o calor de seus corpos juntos na cama.
  Se tentasse mover sua cabeça num movimento impensado, seus lábios se tocariam.
  A inquietação tomava conta de Hei, precisava fazer alguma coisa! Sabia que precisava abandonar a cama e moveu seu braço que estava por baixo da manta sem desviar os olhos da face adormecida de Kaji.
    Estava a ponto de retirar cuidadoso o braço dele que o envolvia com vontade e num gesto impensado seus narizes roçaram mais uma vez e seus lábios selados fizeram contato imediato, a saliva no interior da boca de Hei secou, pensou em fazer um movimento brusco para se afastar, mas em vez disso fechou os olhos e seus lábios sugaram os de Kaji lentamente...
    Apesar de tê-lo feito porque queria, Hei censurou a si mesmo quando tornou a abrir os olhos e se sentiu irritado com Kaji por ter escapado para sua cama sem aviso. Pensou em acordá-lo aos gritos e empurrões até derrubá-lo da cama, visualizou a cena em sua mente.
    Kaji rolando e caindo no chão, despertando abrupto sem compreender açoitado por seus berros.
    Contudo, ao invés isso, Hei levantou o braço de Kaji e se esquivou para fora da cama, desembolando-se da manta e da perna de Kaji na sua.
    Ali de pé, passou ambas as mãos por seu cabelo queimado de sol e olhou ainda mais inquieto para Kaji que pareceu procurar por seu corpo no espaço vazio da cama de solteiro.
     Terminou por deixar o quarto trajando a camisa e as calças de pijama, seus pés descalços faziam barulho no piso.
     Antes de entrar no banheiro deu de cara com seu tio.
__Bom dia, Ojisan.__ Hei disse segurando na maçaneta da porta do banheiro.__ Pensei que fosse me chamar para pescar.
__Bom dia... E eu fui te chamar, Heisuke.__ O tio replicou sem sorrir.__ Mas, confesso que fiquei sem ação quando abri a porta de seu quarto. Nós demos um futon para Kaji-kun... Não tem necessidade de dois rapazes dividirem a mesma cama.
__Perdão, Ojisan. Não vi Kaji indo para minha cama, não tinha a mais remota ideia que ele estava lá até amanhecer... Não vai acontecer de novo.
__É bom mesmo, Heisuke.
    Seu tio lhe lançou um olhar incisivo, fazendo menção de se afastar enquanto Hei entrava no banheiro...
 

20 comentários:

  1. Eu acho que o Hei vai ter alguns probleminhas... Se gostar do Kaji mesmo, como estou suspeitando, terá muuuitos probleminhas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza... E um desses probleminhas será o June, certamente.

      Excluir
  2. OOOOOOMG!@!!!!!!!!!! WIIIIIIIIIII!!!!!!!!!!
    Queria guardar esse momento pra sempre, bem que o tempo podia congelar @.@
    Tô com um sorriso de uma orelha a outra, amei! Senpai, senpai, senpai, quero mais um capítulo Hei x Kaji *-----*
    Emoção foi tanta que a alminha até saiu do meu corpo!

    Eu eim... foi dureza do tio do Hei, deixa os meninos se curtirem!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas, só foi um beijinho, Kisu... Que alegria da sua parte! 0_o
      E o Kaji vai até pensar que esse beijo foi sonho, rsrsrs...
      Ah, o tio do Hei ficou lá meio desconfiado... :p

      Excluir
    2. Eu já tinha me conformado que nunca aconteceria nada com esses dois... e do nada você me aparece com um capítulo lindo e maravilhoso desses que não tive como me conter :D wiiiiiiii
      Droga, já to com um sorriso de um canto a outro lol <3
      Acho que podia ter sido só um abraço mais íntimo sem beijo que eu tava pirando Yupiiiii
      Qualquer um ficaria desconfiado considerando que era pra cada um dormir num canto. Vai que o Kaji tava precisando de uns abraços de consolo, nunca se sabe rs
      Senpai, assim que der torno a responder. Vou dormir antes de sair pra prova/aula.
      Beijos

      Excluir
    3. Olha Kisu... Não era mesmo para ter acontecido, mas minhas ideias foram mudando conforme fui escrevendo...
      Tranquilo, Kisu! Vá descansar, minha amiga.

      Excluir
    4. Minha imaginação agradece rs
      Você sempre dá um jeito de colocar coisas tão simples de um jeito tão meigo e quente. Que nem a cena do Kaji levando o gatinho pro June ownn
      Acaba que ler supera em muito a sensação de imaginar por conta, porque sempre me surpreendo com seu enredo e o envolvimento dos personagens :)

      Excluir
    5. Foi o fato de definir melhor a personalidade do June que me deu essa brecha para o envolvimento do Kaji e do Hei.
      Eu sinto mesmo muita satisfação quando o leitor de envolve desse jeito com o enredo e os personagens. ^^"
      E é muito gratificante ler os comentários.

      Excluir
  3. Eu adorei esse capitulo, foi a coisa mais fofa e o Hei não vê que o que sente pelo Kaji é mais que amizade isso é puro amor...
    Pena o tio de facto ter visto -.-"

    Bem Mel eu vou tar pouquinho tempo por aqui porque eu amanhã vou para Fátima (dois dias de férias hey!) então tou preparando as coisas para a viagem e vou estar dois dias fora, é mais que possível que não apareça por aqui.... então é isso vou estar ausente -.-"
    Eu vou sentir sua falta, mas prometo recompensar e dois dias passam rápido XD

    ResponderExcluir
  4. Imaginei que ia gostar desse capítulo ^^"
    Mas, o Kaji vai pensar que esse beijo foi um sonho.
    E o tio bem que vai ficar um bocadinho desconfiado desses amigos...

    Puxa, que bom... Aproveite mesmo! Passeie bastante e tire muitas fotos :)
    Que nada... Vai se divertir tanto que nem vai lembrar de mim. :p

    ResponderExcluir
  5. Ah que tonto pensar que foi sonho.... mas teu seu lado fofo ainda assim
    Claro que se fica e ainda não tem nada um com o outro

    É isso que eu pretendo fazer!
    Mas muitas vezes quando vejo algo novo, penso que se calhar a Mel também ia gostar...

    ResponderExcluir
  6. Acho que o Hei ainda desmente essa ideia e conta que foi verdade...

    Ah, eu sei como é... Muitas vezes também penso em você quando estou na cidade e ontem quando terminei o livro do rapaz sem cor.
    A propósito, eu estive pesquisando e descobri que a edição alemã e espanhola saíram com a mesma capa e título do seu... E a edição inglesa e americana saíram como a minha.

    ResponderExcluir
  7. Talvez se ficar com um ciume danado :p

    eu ontem estava lendo e pensei em si, sabe aquele sonho erótico que o Tsukuro tem? " eu pensei afinal a Mel tem razão" porque no sonho aparece o Haida.
    Será que é por ser continentes diferentes?

    ResponderExcluir
  8. Acho que pode ser que surja o assunto quando o Hei inquerir porque o Kaji foi para a cama dele...

    Isso! Primeiro ele o Tsukuru tem a sensação que o Haida está dentro do quarto e logo depois tem um sonho erótico com ele onde ele ejacula na boca do Aida! E o Tsukuru faz outra coisa que somente aumenta a minha suspeita sobre ele ter tendências homossexuais... Ele precisa transar com uma garota para tirar da cabeça que é gay. (Se ele tivesse plena certeza da própria sexualidade não ia precisar fazer isso para se assegurar e quando ele conversar com o Aka, mais uma vez ele vai lembrar do Haida sob esse contexto.)
    Não sei... Mas, penso que a minha e a sua versão foram traduzidas de edições diferentes.
    Na minha edição está escrito que é proibida a reprodução dela em Portugal (não entendi bem o porquê).

    ResponderExcluir
  9. É mesmo o Kaji também foi um pouco indecente ao usufruir da sua cama sem permissão.

    Por isso mesmo e pelo facto do o Hiada desaparecer por uma semana a seguir a isso eu ainda acredito que seja verdade , mas a parte da Shiro e da Kuro era mesmo impossivel de acontecer então eu fico vem dividida nisso.
    Eu não cheguei á parte que transa com uma garota para ter certeza da sua sexualidade

    É bem capaz de ser edições diferentes
    Ui isso eu também não entendo porquê, alguma coisa contra Portugal? o.O

    ResponderExcluir
  10. Mas, por incrível que pareça o Kaji fez sem maldade...

    Desculpa te dar spoiler.

    Também não entendo... Talvez pelas edições serem traduzidas de idiomas diferentes.

    ResponderExcluir
  11. Acabou fazendo com sua ingenuidade, mas despertou no Hei o que faltava :3

    Não tem mal assim ainda deu mais vontade de ler *-*

    Talvez seja isso já que o pt brasileiro tem suas diferenças do pt português~es

    ResponderExcluir
  12. Eu acho que vocÊ e a Kisu realmente estavam na torcida para o Kaji e o Hei terem algum envolvimento... E a princípio era para não ter mesmo.

    Então, tá legal. ^^"

    Presumo que sim.

    ResponderExcluir
  13. Ah..... entendo se for o caso.... mas fico feliz se tiverem

    Olha Mel eu agora vou ter de sair
    Beijinhos
    tenha um bom fim de semana *-*

    ResponderExcluir
  14. Vou deixar vocês se surpreenderem ou não com o enredo. :)

    Opa, faça um ótimo proveito!!!! E se divirta muitíssimo :D

    ResponderExcluir

Oi! (◍•ᴗ•◍)
Veio comentar?
Cada autor desse blog recebe um imenso incentivo a cada comentário.
(Comentários anônimos também são bem vindos ^^")
Agradecemos sua opinião! ٩(๑•◡•๑)۶
Mas, se for apenas comentar sobre erros de gramática, isso é dispensável.

Siga-nos no Facebook

o
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...