11.9.15

Kind of Blues – Episódio 4 Parte 4 por Mel Kiryu


Kind of Blues – Episódio 4 
Parte 4 (por Hitaki Kiriya)

       Cheguei em casa por volta das dez da noite.
     Satomi e eu voltamos para casa com uma diferença de cinco a dez minutos porque eu não queria que algum vizinho nos visse chegando juntos e dedurasse para meus pais.
       Para todos os efeitos eu tinha ido encontrar com 'minha namorada'.
     Eu tinha levado a chave e entrei pensando que ia encontrar a casa silenciosa, com meus pais já recolhidos no quarto da casa que dividiam.

   E a princípio parecia mesmo estar tudo escuro e quieto.
   Tirei meus tênis no genkan sem fazer barulho e calcei meus chinelos acendendo a luz da sala, pendurei minha chave no gancho do porta chaves esculpido em madeira na parede e fiquei algo surpreso quando meu pai entrou na sala segurando uma xícara de chá.
__Pai... O senhor já não deveria estar descansando?
__Ah, boa noite... Sua mãe comentou comigo que saiu para um encontro com a namorada.__ Meu pai disse sereno, tomando um golinho do chá.__ Heis uma coisa que é novidade para mim, Hitaki.
__Preferi não contar que estava namorando antes... Por que não sei ainda se é um namoro sério.
    Eu deu os ombros o mais sucinto possível enquanto meu pai me observava com a xícara encostada nos lábios.
__Ora, mas como assim não sabe? Se marcou um encontro é porque a garota tem algo de especial... Você não costuma ter atitudes levianas, deve ser a primeira vez que o vejo interessado no sexo oposto.
__Pai, é meio tarde e tenho aula amanhã cedo... Se o senhor me der licença, vou comer algo e ir para meu quarto.
__Isso é perfeito. Vamos juntos a cozinha e você me conta como foi enquanto faço um lanche para você.
    Não tinha como escapar daquela conversa, eu não conseguia deixar de pensar que meu pai queria me sondar porque ainda desconfiava do que eu era capaz.
   Ocupei um lugar na mesa da cozinha decidido a responder qualquer pergunta com o mínimo de palavras possíveis.
__Então... Eu conheço sua namorada?
__Suponho que não... Ela é da minha escola.
    Meu pai me serviu chá com okonomiyaki que tinha sobrado do jantar, puxou também uma cadeira e sentou por perto.
__Sua mãe comentou que está andando com o celular da sua garota... Queria se comunicar com ela às escondidas?__ Meu pai sorriu e tinha um tom bem humorado.__ Diga a ela que pode ligar para cá, ninguém aqui morde... Ainda mais por telefone!
    Aproveitei que ele estava falando para comer, mastigar demoradamente para falar o menos possível.
__Como ela se chama, Hitaki?
   Tomei um pouco do chá de sencha por cima do que eu estava terminando de mastigar.
  Achei que seria pior inventar um nome, ganhei tempo enquanto engolia e retruquei deixando minha xícara sobre a mesa:
__Shinatsu... Kazuna Shinatsu.
__E onde vocês foram hoje?
__Pai... Estou ainda sob algum inquérito? Tenho a impressão que se eu disser que fomos ao cinema, vai perguntar em qual e pedir para ver meu ingresso para confirmar se é verdade.
__De modo algum, Hitaki... Mas, é natural que os pais queiram conhecer e saber mais sobre a namorada do filho.
__Se as coisas derem certo poderão conhecê-la... De acordo?
    Eu estava pouco a vontade com a conversa, comendo sem sentir o gosto do okonomiyaki, mal percebia o sabor do camarão. Talvez, meu pai pensasse que eu estava cansado e magoado por continuarem desconfiados e por isso não insistiu mais na conversa, apenas assentiu num gesto discreto de cabeça.
   Desejou-me boa noite e se retirou.
   Terminei de comer, embora já não me apetecesse e me preparei para dormir.
    Custei a pegar no sono... O que eu tinha feito agora?
    Tinha envolvido Shinatsu sem que ela tivesse a mais ínfima ideia de tudo que andava acontecendo.
    E havia Togashi Yuki, eu tinha ficado de ligar para ele no dia seguinte.
     Sei que adormeci com o pensamento em Satomi, de lado na cama e vigorosamente abraçado ao travesseiro.
                                                                 *********

                    Satomi e eu nunca íamos juntos para a escola.
            Ele sempre chegava antes de mim, mas só uma vez eu gostaria de sentar ao lado dele no ônibus e quem sabe segurar a mão dele disfarçadamente por baixo da minha mochila deixada de caso pensado sobre meu colo.
    Quando eu peguei o ônibus naquela quinta-feira, na metade do trajeto até a escola, eu me dei conta de repente que eu poderia ter pego o ônibus que passa quinze minutos mais cedo... Quem sabe não era nesse ônibus que Satomi embarcava todas as manhãs?
   
       Foi bem incomum avistar antes de atravessar a rua não apenas Satomi, mas Shinatsu conversando com ele próximos ao portão.
   Eu nunca tinha visto os dois conversando.
   Aliás, Satomi não era de conversar com ninguém e se o fazia era para se meter em confusão.
   Logo que cheguei perto deles abri a parte menor da minha mochila e tirei o celular rosa de Shinatsu de dentro dela.
__Bom dia...__ Eu disse alternando o olhar entre ambos.__ E obrigada, Shinatsu... Foi de grande ajuda para mim.
__Ah, bom dia!__ Shinatsu retribuiu a sorrir alegre, mas pareceu hesitar em pegar o celular de volta, estendeu a mão e mesmo assim seus dedos se retraíram.__ Fico feliz, Hitaki... Tem certeza que não precisa mais dele?
__A meu ver ficou comigo além da conta.
    Tentei sorrir, mas não me saí muito bem. Tive que pegar de leve na mão dela e encaixar o celular na palma da mão delicada, senti Shinatsu tremular por dois segundos.
   E o sinal de entrada soou.
   Shinatsu fez uma reverência e saiu na frente, entrou um pouco apressada pelo portão.
   Quanto a nós dois trocamos olhares, Satomi vestia uma peça ou outra do uniforme sem abrir mão do jeans desfiado, era seu retorno à escola depois de três dias de suspensão.
    Fiquei sem reação quando o braço dele passou pelo meu, meus lábios entreabriram e quase disse seu nome em voz alta.
    Mirei nele um olhar inseguro e perplexo.
    O nome dele vagou na minha mente como uma nuvem carregada suavemente pelo vento e nós entramos juntos, meus passos indecisos, sem olhar se quer para os lados... De braço dado com outro rapaz.
   O que as pessoas poderiam pensar?
   

52 comentários:

  1. As pessoas não precisam pensar nada, Hitaki! ( ~mas ainda assim é complicado~ )... O relacionamento desses dois está cada vez mais sério, já perdi minhas esperanças com o Togashi, mas tudo bem! hahah Satomi está cada vez mais fofo, adorei os capítulos no ponto de vista dele, tem certo lado poético, escondido por trás de tanta rebeldia.... Muito lindo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não precisam pensar, mas o Hitaki se importa... Ainda mais porque quer manter sua relação com Satomi em segredo.
      Bom, o Togashi ainda vai sim dar o ar de sua graça e a presença dele é sempre marcante e balança a relação do Satomi e do Hitaki...
      O Satomi bem que usa seu temperamento agressivo para esconder o quanto ele é sensível... Por isso que volta e meia eu vou escrever o capítulo a partir da perspectiva dele.

      Obrigado por vir aqui, Golden.
      Sei como o tempo anda escasso para você. ^^"

      Excluir
  2. Olá Mel
    Ah Hitaki se enrolando mais em mentiras, queria ver se o pai dele ia atrás da sua "namorada" ai é que ia ser bonito.
    Mas apesar disso a relação dele com o Satomi, está mais querida e fofa :3

    ResponderExcluir
  3. Oi, Rima! E olha que em algum momento o pai do Hitaki deve ir mesmo -.-"
    Por enquanto sim... É bom que aproveitem enquanto dura.

    ResponderExcluir
  4. Foi o que eu pensei... o pai dele ficou um tanto curioso em relação ao filho ter uma namorada
    Sim.... porque nada dura..... e da deles não deve durar muito pelos vistos

    ResponderExcluir
  5. A questão é que ao menos a Shinatsu existe... Mas, mesmo assim, né?
    É porque a relação deles começou errada, Rima... Somente o Hitaki que cede na relação, o Satomi quer que tudo seja do jeito dele se pensar bem...

    ResponderExcluir
  6. Mesmo assim.... ainda vai ter de pedir á menina para fingir ser sua namorada.... essa não...
    O Hitaki até acaba cedendo demais, ainda acaba por destruir a ele mesmo e magoar o torrão do Satomi

    ResponderExcluir
  7. Hum... E o pouco que você conhece a Shinatsu... Acha que ela vai levar numa boa?
    Cede sim, porque ele tem medo de perder o Satomi... Mas, o próprio Satomi que cria às vezes cria os distanciamentos entre eles.

    Agora... Kakeru namorando com a Junko?...
    Essa foi estranha... Reli duas vezes essa parte porque achei que tinha lido errado,, rsrsr...

    ResponderExcluir
  8. Sinceramente não sei... ela parece ser reservada para levar isso numa boa
    Pois é! Depois dá o mimo todo, o Satomi passa a controla-lo verdadeiramente, aí sim o Hitaki perde o controlo de tudo.

    ahaha eu imaginei que a Mel ficasse embasbacada quando lê-se, mas acho que era o que o Kakeru precisava, de algo mais calminho

    ResponderExcluir
  9. Eu acho que quando o Hitaki chegar no limite de toda essa mentira ou quase nisso, ele vai se dar conta que não pode passar a vida a ceder para os caprichos rebeldes de Satomi... Aí sim haverá o conflito entre os dois... E a necessária separação.

    Não esperava, porque sabia que o Kakeru já tinha se metido com o Shuji... Ou estou confundindo? Achei que ele gostasse de garotos.

    ResponderExcluir
  10. Haverá o conflito entre eles e acho que o maior vai ser o conflito interior do Hitaki, o remorso ainda lhe vai subir á cabeça

    Sim o seu primeiro amor fui o Shuji.... ele até que gostava e foi a primeira vez que se interessou numa garota então porque não tentar?

    ResponderExcluir
  11. Com toda certeza! A ponto de quase não conseguir discernir a mentira da verdade.

    Ah, isso mesmo! Você vai aprofundar isso entre o Kakeru e Junko? Vai mostrar em algum capítulo como surgiu o interesse amoroso entre os dois?

    ResponderExcluir
  12. Então isso quase se vai tornar uma doença para ele!

    Não pretendo aprofundar muito.... mas vou mostrar como começou isso sim! :)

    ResponderExcluir
  13. É bem verdade que o Hitaki não vai reconhecer a si mesmo...

    Ah, que bom! Isso vai ajudar encaixar melhor na minha cabeça como esse dois foram acabar sendo um casal!

    ResponderExcluir
  14. Talvez isso vá contribuir para que ele não se aceite a si mesmo, e fazendo isso é impossível aceitar outras pessoas ao seu lado

    Pelo visto a Mel ficou mesmo surpresa...
    Ainda vai ter muita coisa nova em kimi o ai

    ResponderExcluir
  15. Não é tanto assim a surpresa... É que Kakeru e Junko é um casal tão improvável... Ah, isso bom! Me surpreenda bastante, por favor. :)

    ResponderExcluir
  16. Acha mesmo que são um casal improvavel?
    bom... eu vou tentar :)

    ResponderExcluir
  17. Para mim como leitora é sim... Mas, a perspectiva da autora é mais ampla.
    Para você, de certo que faz todo sentido... Já o leitor só vai perceber isso com o passar do enredo.

    ResponderExcluir
  18. Tem razão...
    Talvez vá entender com o tempo
    Alias eu tenho um capitulo fresquissimo só falta a imagem para o enviar :)

    ResponderExcluir
  19. Com toda certeza, antes eu não gostava da Junko porque ela estragava o meu shippe Shuji x Tadashi.
    Agora, devo olhar para ela com outros olhos.
    Banzai! ^^"

    ResponderExcluir
  20. Ela estragava mesmo.... e apesar de tudo continua a mesma sem sal -.-"
    Ehehe.... acho que vai ser uma era de alguns novos personagens também:)

    ResponderExcluir
  21. Que nada... A Junko mesmo sem sal virou o tempero da vida do Kakeru. :)

    Hum... Que eu goste dos personagens e que não estraguem o meu shippe, hein? (Brincadeirinha :P)

    ResponderExcluir
  22. Ahahah a Mel até filosofou agora :p

    Um dos personagens já conhece, é o Kazoumi, mas só agora vai ter oportunidade de o conhecer melhor

    ResponderExcluir
  23. Ah, é... Filosofia é comigo mesmo. (Mentira, é nada...)

    Kazoumi? Hum... lembro dele ser algo encrenqueiro, não?
    Bem, vou conhecê-lo melhor antes de jogar pedra no menino :p

    ResponderExcluir
  24. Eu ainda acho que é ;)

    É um bocado, certamente não vai gostar, contudo pode ter algo que ainda goste nele, sei lá

    ResponderExcluir
  25. Fico feliz por você estar tão inspirada :)
    Também estou escrevendo aqui.
    Se Kazoumi aprontar muito, entro na sua estória e o pego de jeito pela orelha!

    ResponderExcluir
  26. Tou-me sentindo mais organizada isso me acalma e me deixa usar mais minha imaginação
    ah Mel escrevendo também :3

    E leva-o para sua casa para o endireitar :p do jeito que ele é volúvel ainda fica querendo dar uma pegas na Mel

    ResponderExcluir
  27. Com certeza, nosso estado de ânimo interfere na escrita.

    Sim tentando terminar o episódio 7.

    Olha que safadooo! (Gostei! Cof... Cof...)

    ResponderExcluir
  28. É mesmo <3

    Tentando? Não está conseguindo ? Ou algo está interferindo?

    Olha que ele é muito e não tem vergonha de o ser ( gostou agora depois vamos ver hehehe :p)

    ResponderExcluir
  29. Não, estou conseguindo sim... É que estou preparando o terreno para o Satomi e o Hitaki fazerem as pazes como namorados... Tem que ser bem pensado!

    Gostei da safadeza porque foi comigo e também sou safada... Mas, se ele atrapalhar meus shippes quebro a cara dele!

    ResponderExcluir
  30. Puxa.... as coisas com eles tem que ser bem apalpadas eles são bem complicados

    kkkkk então acho que pode preparar as mãozinhas para lhe dar uns socos XD

    ResponderExcluir
  31. Não são? Ainda mais com o Lindo do Togashi entre eles.

    E vou providenciar um saco de gelo para colocar minhas mãos inchadas de tanto dar socos nesse cara! (é tão bom ter um saco de pancada, espero que o Kazoumi não se importe, rsrs...)

    ResponderExcluir
  32. Claro só podia ter o lindão do Togashi entre eles :)


    Nossa mas a Mel já esta a pensar em tudo ( então me empresta o Misato para quando em precisar de um ^^")

    ResponderExcluir
  33. Mas, você ainda quer bater no Misato?? Olha que eu acho que você vai acabar usando o Misato para outros fins, porque né?...:p O Misato é um loiro azedo, mas não é mesmo nada de se jogar fora.

    Claro, sou prevenida.
    E se o Kazoumi aprontar muito, ainda o coloco na coleira.

    ResponderExcluir
  34. Pode servir de cachorrinho de guardar a porta ^^"
    E mesmo que eu lhe desse uns socos ele ficava bem com o cabedal que tem :p Não se estragava a beleza dele

    Tadinho, assim se sente aprisionado quando preza tanto a liberdade...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mel eu vou ter de sair
      beijinhos e até amanhã

      Excluir
    2. Até amanhã, viu?
      Muito obrigada por me enviar o capítulo!

      Excluir
  35. Mas, você quer usar o Misato de Cachorrinho, então não tem mal eu colocar uma coleirinha no Kazoumi. :p
    Desculpe a demora, tive que atender o telefone.

    ResponderExcluir
  36. Oi oi Mel
    Tudo bem?
    Espero que tenha tido um bom domingo ^^"

    ResponderExcluir
  37. Oi, Rima... Na verdade está querendo me dar dor de dente -.-" Amanhã vou ao dentista ver qual é a dessa dente... Mas, é um bom domingo com chuva e é aniversário da minha mama. ^^" Já comi bolo com ela.

    E você? Tranquilo?

    ResponderExcluir
  38. Oh dor de dente é a coisa mais chata, espero que melhore logo :)
    Aqui também foi um domingo de Chuva, parabéns para a sua mana

    Também comi bolinho de aniversário, mas foi da pastelaria que fez um aninho que abriu, então passei a manhã a oferecer bolo e café :)
    De tarde acabei vendo um filme Troia
    E tou de férias outra vez :)

    ResponderExcluir
  39. E geralmente são os dentes de trás (os molares) que me dão problemas, ao menos os sisos já tirei.
    Na verdade é minha mãe que faz aniversário (às vezes a chamo de mama), o da minha irmã foi em agosto logo depois do aniversário da sua irmã ^^"

    A pastelaria afinal é bem recente!
    Eu estou aproveitando o fim de semana para ler e escrever.
    Terminei o livro Silêncio dos Inocentes (que li em três dias) e hoje estou começando com Caçando Carneiros do Haruki Murakami.
    Também estou escrevendo Kind of Blues :)

    Eita! E que agora dure estas férias \o

    ResponderExcluir
  40. Ultimamente eu até que nem tenho tido problema com os molares, mas também tive que tirar dois para colocar o aparelho e dentes do siso não tenho ^^"
    Desculpe eu percebi mana.... mas chamar de mama é bem fofo :3

    Está é a mais nova que a minha patroa tem
    Eu só vou escrever agora
    ( ler em três dias era recorde para mim o.O) Caçando Carneiros nunca tinha ouvido falar.... mas parece ser interessante

    Eu tou escrevendo Wild Lover :)

    Não vão durar muito, três dias em principio e depois o domingo para ir na excursão a Fátima ( ou ia ou ficava a trabalhar a tarde toda, ainda para mais com derbi -.-")

    ResponderExcluir
  41. Fazia um tempo que eu também não tinha, em agosto fiz limpeza nos dentes (remoção de tártaro) e o dentista até disse que estava muito bom... Nem sei porque estou sentindo dor.

    E pelas fotos que você já me mostrou da pastelaria o local é bem gracioso.
    Eu adoro ler livro de investigação criminal, eu devoro o enredo na ânsia de desvendar os crimes.
    Baixei um trecho em PDF de Calando Carneiros e achei interessante... Mas, acabei comprando o livro, porque acho cansativo ler no pc.

    E você me enviou um capítulo de Wild Lover nesses dias, né? Vou postar durante a semana.

    Mas, sendo curtas ou não férias são férias :D

    ResponderExcluir
  42. Se fosse logo a seguir á limpeza eu diria que era sensibilidade porque acontece comigo, agora pode ser até apenas uma pequena inflamação, houve uma altura que tinha um dor de dente horrivel e era somente inflamação, o dentista ainda fez raio x para ver se tinha carie e não tinha nadinha...

    É.... apenas não tem grande fama -.-"
    Tem um que eu li em pouco tempo mesmo, foi os crimes da rua morgue, também é pequenino, mas bem interessante ^^" Só porque queria desvendar o criminoso
    Eu cheguei a começar a ler, Entrevista com o Vampiro em formato PDF mas deixei por ser demasiado cansativo.

    Sim enviei, tem tempo poste quando lhe der mais jeito

    Pois são.... a semana passada sendo só aqueles dias, me senti muito melhor

    ResponderExcluir
  43. É, após limpeza a gengiva fica mesmo sensível.
    Tomara que seja algo simples assim...

    Por que? Parece que é bem frequentado.
    Ou que tem uma clientela fiel.

    Olha que aconteceu o mesmo comigo, consegui entrevista com vampiro em PDF... Mas, não gostei de ler assim.
    Só mangá mesmo que leio no pc e às vezes alguma novel.


    ResponderExcluir
  44. Vai ver que vai ser algo simples e que vai melhor passado pouco tempo

    Tem bons frequentadores e clientela fiel, problema é chamado " Metralhada da Pesada" Aqueles mitras que gostam de fumar o que não devem e algo mais, eles adoram a sala do bilhar para estar num canto que ninguém veja o que fazem e minha patroa não cortou nesses habitos, por isso que dizem que tem má fama.

    Chegava a um ponto que minha vista começava a chorar.
    Manga ou novel é quase normal, mas livros... já é outra coisa

    ResponderExcluir
  45. Tomara mesmo... Dormi tão mal a noite passada por causa dessa dor.

    Aí isso é mal, acaba dando má fama mesmo.
    Porque tem que fazer esse tipo de coisa numa pastelaria?
    Isso não significa que outras pessoas não possam entrar na sala de bilhar...

    Pois sim, gasta-se mais os olhos na tela do pc. Eu uso lente ante-reflexo nos óculos e mesmo assim acho que cansa.
    Hoje li um mangá que gostei muito chamado Hana to usagi... Não é aquele yaoi com muito sexo, mas eu adorei.

    ResponderExcluir
  46. Então a Mel tem mesmo que ir ao dentista !

    Bom.... em casa dos pais é que não vão fazer ^^"
    E eles estavam habituados a ser um café, aliás que os deixava ter ainda mais liberdades...
    Não essa sala é para todos mas qualquer pessoa tipo eu entrando lá dentro dá vontade de pegar em mascara de oxigenio porque só pelo cheiro você consegue perceber que não estão fumando só tabaco normal e olha que eu nem fumo.


    Eu também uso, sempre usei... e cansa igual outra coisa que sempre me falaram era que por exemplo de noite luzes do transito não me meteriam confusão e sinceramente atrofia-me a visão na mesma
    Tem coelhos? Nem tudo que tem sexo é bom.... deve ser um romance fofo não?

    ResponderExcluir
  47. Tenho sim,amanhã nem estou marcada, mas espero que o dentista tenha pena da minha pobre alma atormentada pela dor (dramática eu sou).

    Na casa dos pais eu sei que não... Mas, sempre se dá para se enfiar em algum lugar... Já tive amigos que fumaram maconha até em sauna!
    Tem um coelhão bem tímido, rsrs... É sim uma fofura a estória de amor, até chorei numa parte. (Bom, eu sou chorona mesmo, prima de quarto grau do Misaki)

    ResponderExcluir
  48. Esperemos que sim, apenas faça uns olhinhos grandes e bugalhudos e ele terá ;) ( eu também sou e muito quando se trata de ir a dentista)

    Nossa! Essa é nova para mim, Rima ainda tem muito para descobrir....
    Coelhão fofo ^^" Rima gosta de Coelhos, alias minha mãe me deu pijama com coelhinho já não o larguei mais ehehehe, acho que vou acabar dando uma olhada nesse manga mas só amanhã ^^"
    (Prima ou não é fofa como ele <3)

    Bom Mel eu vou ter de sair
    Beijinhos e até amanhã

    ResponderExcluir
  49. Eu vou fazer olhos de cachorrinho que caiu da mudança ◕ω◕

    E eu estava dentro dessa sauna (não fumei porque não gosto nem de cigarro comum), mas só o cheiro dentro da sauna já dá para te deixar doido :p

    Gosto mais de ursinhos do que coelhos, mas o coelho desse mangá é um caso de fofura à parte.
    Tem em português para baixar, se você não achar me lembra para te passar o link.
    (Gentileza sua)

    Até amanhã, Rima-san!
    Bom descanso e uma ótima noite!

    ResponderExcluir

Oi! (◍•ᴗ•◍)
Veio comentar?
Cada autor desse blog recebe um imenso incentivo a cada comentário.
(Comentários anônimos também são bem vindos ^^")
Agradecemos sua opinião! ٩(๑•◡•๑)۶
Mas, se for apenas comentar sobre erros de gramática, isso é dispensável.

Siga-nos no Facebook

o
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...