21.9.15

Kind of Blues – Episódio 4 Parte 7 por Mel Kiryu


Kind of Blues – Episódio 4 
Parte 7 (por Kiriya Hitaki)

       Desde a primeira troca de olhares, eu sentia que acima de tudo eu tinha provocado Togashi.
       Não provocado num sentido seduzível, mas o tinha irritado a valer.
       Ele pediu que entrássemos na casa que era naturalmente muito charmosa, seguimos nosso misterioso anfitrião e subimos um lance de escadas para o segundo pavimento daquele imóvel.
   Não, ele não demonstrava sua irritação nos gestos, tão pouco na voz.
   Mas, Yuki estava sério.

   Tremendamente sério e quando entramos num quarto daquele andar, ele olhou para Satomi e finalmente a aspereza vazou em sua voz.
    Nunca eu tinha ouvido a voz do anjo da água tônica soar assim.
__Satomi, tem um banheiro neste andar... Vá até ele e lave seu rosto, tire toda maquiagem em torno de seus olhos... Ela apenas estraga a beleza do seu rosto.
     Pensei que Satomi fosse responder com algum desaforo por entreabrir os lábios fixos em sua feição invocada, contudo fiquei com a impressão que ele ficou surpreso por Yuki dizer que seu rosto era belo.
    Pois, Satomi encarou Yuki calado e se limitou a obedecer, nos deixando sozinhos naquele quarto ainda que destilasse estar contrariado.
__O que você fez, Hitaki? Era para ser um encontro entre você e eu... Não entre Satomi, você e eu.
    Yuki não precisava elevar o tom da voz para demonstrar o quanto estava zangado e vê-lo desse jeito me causou culpa, uma culpa pesada e incompreensível por tê-lo magoado.
__Satomi é meu namorado.__ Eu rebati cauteloso.__ Era isso... Ou nada de encontro.
    Yuki retirou o óculos de meu rosto suavemente, fechou as hastes a observar minha face.
__Tem tanto medo assim de ficar sozinho comigo?
    Era uma pergunta feita com discreta picardia, um meio sorriso se insinuou nos lábios de Yuki enquanto ele encostava charmoso meu óculos em seu próprio queixo.
   E Togashi Yuki tinha acertado, eu tinha medo realmente... De ficar tão envolvido com ele de modo que não conseguisse mais deixá-lo, ou esquecê-lo.
    O medo evidente que pairava em meu semblante tanto quanto no meu silêncio pareceu divertir Yuki, o meio sorriso não abandonou seus lábios ao passo que deixava meu óculos sobre uma cômoda antiga.

      Sem contudo se distanciar de mim.
      Nossos olhares emparelhados, então o indicador dele percorreu meu queixo numa breve carícia, os lábios se precipitaram sobre os meus e fechei meus olhos sentindo um prévio tremor em meu íntimo.
    Eu não me recordava de experimentar tamanha expectativa num simples colar de lábios, uma troca amorável de carícia, meus braços ansiosos queriam passar por seus ombros e se cruzar em sua nuca, meus dedos queriam sentir seu cabelo.
     Todavia, não me deixei levar por minhas vontades ainda que tenha perdido o controle da minha respiração, sentia que Togashi estava brincando com meus sentidos.
__Vou fazer você se arrepender, Hitaki... Vai implorar para ficar sozinho comigo.
    A voz dele era uma mistura antagônica de carinho e ameaça furtiva.  
   Pensei em me negar, pensei em até mesmo desistir e no mesmo instante que esses pensamentos me atravessavam a boca de Togashi cobriu a minha, seu corpo se projetou contra o meu e foi naquele beijo que me perdi, que foi por água abaixo qualquer chance de voltar atrás.
 
                                                    ******
__O que pensa que está fazendo?
    Foi o que Satomi perguntou com agressividade notável na voz, a pergunta havia sido direcionada a Yuki que terminava  de amarrar meus pulsos atrás de meu corpo com um obi, a amarração não prendia apenas meus pulsos, mas me prendia nos puxadores do armário de madeira do quarto.  
   Aquilo tinha me surpreendido, durante o beijo Yuki me encurralara contra as portas de madeira do guarda roupa, não vi da onde ele tirara aquele obi e quando dei por mim estava preso, troquei olhares perplexos com Yuki com nosso lábios ainda se tocando sutilmente e foi aí que Satomi entrou.
__O que você pretende? Isso já é passar dos limites.__ Eu perguntei sacudindo com dificuldade os braços presos atrás de mim.
__Vocês dois acham que hoje vou me limitar a observá-los em ação?__ Togashi ironizou tênue.__ Definitivamente não... Venha aqui, Satomi.
__Solte Hitaki.__ Satomi tinha o a voz fria, o semblante fresco desconfiado.__ Sabe que faço o que quiser.
__Você entendeu.__ Togashi redarguiu puxando Satomi pela mão.__ É você mesmo que quero.
    Satomi deu um passo na direção de Togashi tendo uma expressão que se mesclava a incredulidade e sua árdua desconfiança.
__Hum... O que está tramando, Togashi?
__Nada...__Ele ofereceu um meio sorriso a dar os ombros.__ Hoje é Hitaki que vai ficar de castigo... A nos olhar.
    Yuki mirou-se por três segundos na minha direção, fiquei apreensivo... Aliás, apreensivo eu já estava, eu estava no limite da apreensão. Sentindo meus pulsos amarrados com força, meus dedos se contorciam nervosos, meus pés estavam livres mas eu não conseguia dar um passo que fosse, os puxadores daquele roupeiro eram brutos e entalhados em boa madeira.

    Eu podia fechar meus olhos, sem poder ignorar de todo os sons que se propagariam naquele quarto. Estar sem meus óculos, não era realmente um obstáculo para enxergar Togashi devorando primeiro Satomi com seu olhar, segurou a face dele com a ponta suave dos dedos, admirando assim como eu a beleza andrógina e felina de seu rosto recém lavado, sem vestígio de qualquer maquiagem...
      As pontinhas de seu cabelo estava úmidas possivelmente por ter passado as mãos molhadas no cabelo enquanto se lavava na pia do banheiro, vislumbrando amarrado da onde eu estava, até eu tinha vontade de esfregar minha pele na dele e sentir as pontinhas molhadas de seu cabelo tocarem frias e convidativas na minha tez.

      Era impossível não olhar.
      Eu poderia ignorar qualquer um, menos Satomi.
      E quando Yuki e Satomi contracenaram um beijo quente e macio tal como se eu sequer existisse, eu tive certeza.
    Não estava sendo apenas punido por Yuki.
    Também era o modo de Satomi me punir pela paixão indevida que eu sentia por Yuki, meu anjo da água tônica.

   

32 comentários:

  1. Olá Mel
    Tudo bem?
    Ah.... esses capitulos estão com um suspense! Togashi e Satomi...hum o Satomi ainda vai ficar seduzido pelo Togashi
    Isso que vai ser tortura para o Hitaki :p

    ResponderExcluir
  2. Olá, Rima! Ainda muito atarefada?
    Tô bem... Descobri que o problema não era bem o dente, era a gengiva inflamada.

    Você acha mesmo? Hitaki vai ficar bem desconfortável de ficar amarrado sem poder fazer nada enquanto os dois se pegam aos beijos bem na sua frente... Bem, que o Yuki falou que o Hitaki ia se arrepender por não ter vindo sozinho :p

    E que tortura!!

    Agora, adorei a mãezinha do Hayato, que sogrinha legal o Akemi arrumou!

    ResponderExcluir
  3. Não... essa semana faço manhãs tenho as tardes livres :)
    Ontem tive a excursão então sai cedo e cheguei tarde....
    Por um lado é bom não tem que tirar o dente ou fazer tratamento mas deve precisar de um anti inflamatório não?

    Ele devia era ter ido mesmo sozinho o Satomi não precisava saber...-.-" Ai é que ia ser

    Gostou dela? O Akemi gostou foi da cunhada ;p

    ResponderExcluir
  4. Assim é mais tranquilo, né?
    E como foi a excursão? Legal?
    É sim, lá vou eu tomar mais remédio...

    Aí o Hitaki não voltava mais para casa, o Togashi ia sequestrá-lo :P

    Gostei... Muito compreensiva e sofrida também.
    A irmãzinha, né? Akemi adora mesmo crianças...

    ResponderExcluir
  5. É sim, sempre sobra mais tempo
    Foi fixe sim.... .minha patroa falou que era filha dela também e me deu um terço de presente
    Mas se tomar direitinho logo passa

    Por mim podia sequestrar mesmo e fazer o que quisesse

    Acho que ela vai aparecer mais vezes
    Ele adora só não adota porque tem mãe....ainda para mais com os mesmos olhs e cabelos que o Hayato

    ResponderExcluir
  6. Opa! Sua patroa foi uma fofa! Teve muita consideração.

    Hum... Eu ia ficar com peso na consciência se fizesse isso com o Satomi.
    Tadinho, Rima...
    Vai ser bem proveitoso para o Togashi de qualquer modo, pode ter certeza.

    Que bom!
    Seria legal se o Hayato pudesse morar perto da mãe dele.

    ResponderExcluir
  7. Foi mesmo, me senti mal com tanta ternura

    Ainda ele lhe rogava uma praga por fazer com que o Togashi lhe roubasse o namorado
    Bem proveitoso? Bom sempre pode decifrar sentimentos encobertos.... Acho que ele não vai desistir do Hitaki com facilidade

    Isso eu não pensei..... mas ele vai querer recuperar o tempo perdido com toda a certeza

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei o que houve, mas a página carregou sozinha e publicou de novo meu comentário anterior -.-" (portanto ignore)

      Sei lá, acho que o Satomi não ia ficar parado se o Togashi quisesse sequestrar o Hitaki...
      Isso é mesmo, desistir mesmo o Togashi não vai.

      Excluir
    2. *Pronto, excluí o comentário duplicado.

      Excluir
    3. Pronot afinal não é só a mim que tá dando errado :p

      Pronto os dois não vão desistir e isso vai criar um triangulo bem perigoso não?

      Excluir
    4. Estranho que deu errado ao mesmo tempo para nós duas.

      Olha que eu acho que ainda é capaz do Togashi ajudar... As coisas acabaram de complicar totalmente no episódio 8. :´(
      Embora sempre vá existir rivalidade entre Togashi e Satomi...

      Excluir
    5. pois foi ^^"

      Eu nem quero saber para quem complica mais pois até tenho medo, mas se o Togashi é capaz de ajudaré porque é mesmo um anjo :p
      Ainda vão fazer um duelo para saber quem fica com o Hitaki

      Excluir
    6. O Togashi não vai ajudar porque é bom samaritano, mas porque não deixa de ter interesse no Hitaki.
      Isso ia ser bem interessante ^^"
      Nem fale, fico doida para te mostrar os capítulos recentes...

      Excluir
    7. Ah dai apouco diz que ele só age por interesse....
      E eu para os ler Mel! ^^"
      Desculpe a demora, minha mãe quis falar comigo -.-"
      E agora vou ter de sair
      Beijinhos e até amanhã <3

      Excluir
    8. Não é para soar tão mesquinho, mas normalmente o Togashi não se interessa por outras pessoas, ele precisa se sentir muito motivado para a agir em favor de alguém.
      Tranquilo, não se preocupe.
      Até amanhã, amigona!

      Excluir
  8. Foi sim.... até me senti mal com toda essa ternura

    Bom ele era bem capaz de lhe rogar uma praga por lhe roubar o namorado
    Talvez no sentido de decifrar sentimentos escondidos.....

    Isso eu não pensei mas certamente ele vai tentar recuperar o tempo perdido

    e eu pensei que tinha publicado o comentário -.-"

    ResponderExcluir
  9. Mas, você publicou, Rima... Aí não aparece?
    Respondi aí por cima do seu, vê se aparece minha resposta.

    ResponderExcluir
  10. Olá Mel
    tudo bem'
    Eu recebi seu video!Achei tão lindo que fiquei repetindo duas ou três vezes, eu nunca tinha visto um cambaxirra, passarinho pequeno é sempre lindo?
    E a mãe dele veio busca-lo?
    Seu filho parecia animado com o bichinho

    ResponderExcluir
  11. Oi, Rima! Tudo ótimo (embora esteja o maior calor aqui)
    Eu fiz o vídeo e pensei... Tá aí um jeito da Rima conhecer minha voz (que fica feia na gravação, é mais audível e agradável pessoalmente) ^^"
    Hoje ele conseguiu voar mais alto, entrou dentro da minha casa pelo basculhante e pousou no meu ombro, depois foi para debaixo da cadeira do pc.
    Eu o coloquei de novo para fora segurando na minha mão e depois ele não custou a voar sozinho e foi embora, a mãe dele estava aqui por perto.
    O Luan adora tudo quanto é bicho, rsrs...

    ResponderExcluir
  12. olha no domingo queimei meu pescoço ao sol
    Mas sabe eu achei sua voz bonita e bem feminina, a do seu marido também e a do Luan nem se fala...
    Oh que lindo e pousou no seu ombro! sinal que tem confiança consigo, se a mãe anda por perto é bom sinal
    Criança sempre adora!

    ResponderExcluir
  13. Na excursão? Aí tem feito muito calor?
    Poxa, obrigada! A voz do Luan é uma graça e fala que nem matraca :p
    Eu dei comida e água para o filhote, acho que por isso ele não teve medo de mim...(Mas, ficou incomodado quando peguei ele na mão... Compreensível.)

    Mas, algumas crianças são mais ligadas em bichinhos do que outras... O Luan tem muito respeito pelos animais de modo geral, precisa ver ele tentando conversar com o periquito!

    ResponderExcluir
  14. Ate tem feito.... á noitinha que é mais frio....
    Foi pequenino mas deu para conhecer algo mais da Mel^^"
    Mas mesmo sendo matraca é bem fofo e parece que tem um jeito sonhador de falar
    Ah deve ser isso então... no inicio é normal sempre desconfiam

    Deve ser lindo, ele também parecia querer falar ou entender o passarinho

    ResponderExcluir
  15. Adoro quando anoitece e refresca um bocado...
    Se alguma hora eu fizer outro, te mostro ^^"
    Até que não achei esse passarinho tão desconfiado, não demorou a deixar que eu fizesse carinho nele... Os filhotes de animais se parecem um bocado com crianças, mesmo os bichinhos não tem noção alguma de perigo.

    Ele tem essa mania de tentar decifrar o que o periquito está tentando passar mesmo com o olhar...

    ResponderExcluir
  16. Eu também... mas aqui está chegando ao outono então é normal que vá resfriando...
    Obrigado *-*
    Animais também tem personalidade, pode ser descarado o passarinho....os filhotes são todos assim por um lado é bom que é facil chegar perto deles por outro as presas tambem

    Deve ser curiosidade.... querer saber como o piriquito pensa e essas coisas

    ResponderExcluir
  17. Aqui entra a primavera... Que parece que tem tudo para ser calorenta... u.u

    É isso que pensei... Um passarinho inocente desses vira presa fácil, fácil... Por isso que fiquei preocupada no vídeo, eu sei que ele podia se alimentar sozinho... Mas, logo pensei: E se aparece algum bicho malvado e o devora de madrugada? Ele dormiu num cantinho no chão perto da minha caixa-d'água.

    Acho que acima de tudo, ele tem vontade de conversar e fazer amizade com o bichinho... Bom, tem a quem puxar, afinal.

    ResponderExcluir
  18. Eu gosto da primavera mas aqui os ultimos anos parece quem nem existe passa de inverno a verão


    Ah seu marido estava dizendo isso não foi? Eu também sempre fico preocupada ainda para mais com dois gatos em casa, coitadinho.... devia estar habituado a dormir no ninho, talvez tenha irmãozinhos

    Sai á mãe não?
    Eu acho que criança assim um dia se vai tornar numa pessoa boa porque se importa até com os seres mais pequenino á face da terra

    ResponderExcluir
  19. A única coisa que torna a primavera inegável aqui é que aqui os passarinhos cantam mais do que nas outras épocas... Cinco horas da manhã já tem passarinho te tirando da cama se bobear.

    É, ele estava dizendo isso... Mas, no fim tudo ficou bem.
    Eu sabia que ele devia voar no dia seguinte, já que ele estava voando até metade do muro que cerca minha varanda.

    Até que o pai também gosta... Aliás, pai e filho estão me enchendo o saco porque querem um cachorrinho e eu não deixo (Mel é igual ao Raiden nesse ponto, que não deixa o Seiji ter bichinhos)... Mas, sinceramente.. Eles só estão pensando na parte boa... Esses dois... Cachorro dá trabalho!

    ResponderExcluir
  20. Ahaha aqui também, muitos pardais moram no telhado de minha casa, mesmo gostando de os ouvir cantar, odeio quando estou a dormir e acordo com eles ai dá vontade de pegar um espingarda e lhes acertar

    Talvez fosse a primeira prova de voar sozinho e não correu muito bem, passarinhos devem ter esse medo, se fosse eu tinha!

    Mas Mel cachorrinho é fofo, minha mãe também não deixa, então tou no mesmo time que eles T^T
    Acho mais que a Mel não quer por ainda se lembrar da sua cadelinha ( era uma cadela que tinha não era)

    ResponderExcluir
  21. Tem muitos pardais aqui também! Muitas espécies de aves,aliás... Mas, eu até que gosto de acordar com os passarinhos.

    É provável... Foi legal ele cair justo no meu quintal, um dia uso isso no enredo de alguma estória, rsrs...

    Cachorrinho é fofo, então dou um de pelúcia para eles...Ora.
    Verdade, depois que a Branca morreu... Não quero me apegar mais.
    Olha só para mim, que ficou preocupada com um passarinho que nem era meu -,-"
    Depois dessa experiência, isso só reforça a ideia de que é uma péssima ideia adotar um cãozinho.

    ResponderExcluir
  22. Aqui tem desapareci muitas especies, até as andorinhas não vejo tantas como antigamente

    Ia ser lindo, tinha que ser no seu quintal para ter alguém que o protegesse

    Sei entendo.... eu tenho o Pantufa, sempre terei mais apego a ele que á Kitty se um dia ele se for, eu também não se vou querer mais algum, ele já é meio que familia não tem como substituir...
    Bom Mel eu vou ter de sair
    Beijinhos e ate amanhã
    Obrigada pelo video, amei.... *-*

    ResponderExcluir
  23. Aqui se vê sabiá, maritaca, trinca ferro, biquinho de lata... Tem muitas rolinhas também.
    E andorinha é uma ave tão linda...

    Vai ser lindo de escrever, tenho certeza. ^^"

    É o que eu penso... É insubstituível.
    Que isso, Rima... Eu que agradeço por ter assistido e gostado.

    Beijos 💕

    ResponderExcluir

Oi! (◍•ᴗ•◍)
Veio comentar?
Cada autor desse blog recebe um imenso incentivo a cada comentário.
(Comentários anônimos também são bem vindos ^^")
Agradecemos sua opinião! ٩(๑•◡•๑)۶
Mas, se for apenas comentar sobre erros de gramática, isso é dispensável.

Siga-nos no Facebook

o
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...