16.2.16

O Segundo Anjo - Crônicas de Antuerpéria Chapter 7 por Mel Kiryu


 Chapter 7 A fenda escondida na montanha Damion

     Antes que chegassem a fissura na montanha Damion, Etzel fechou os olhos jogando a cabeça para trás, seu cabelo também esvoaçava, o vento parecia uma carícia e o absinto que corria em suas veias dobrava a sensação de prazer.
     Pousaram bem perto da abertura naquela grande formação rochosa.
     Etzel já conhecia o interior daquela montanha, por isso entrou na frente e Shou veio logo atrás.
     Fez uma fricção com os dedos e de suas unhas saíram pequenas línguas de fogo que acenderam  as candeias pelo caminho, era a primeira vez que Shou presenciava Etzel fazer magia com as mãos, produzindo fogo sem se queimar.

     Logo o interior úmido da montanha tornou-se um caminho iluminado.
     Havia ametistas encrustadas nas paredes da caverna, refletindo a luz das chamas.
     Shou estava encantado, caminhava olhando devagar para todas as direções, com suas asas fechadas sobre as costas tal qual um manto espesso e branco.
     Mas, nada se comparava as fontes de água cálidas esculpidas no interior da montanha, tudo se fundia e se tornava uma beleza única.
__Esse lugar é... Fabuloso.
__Voar que foi fantástico.__ Etzel replicou.__ Tem muito tempo que esse lugar não é novidade para mim.
__Você deve conhecer tudo em Antuerpéria...__ Shou disse se aproximando das fontes cálidas.
__Na verdade... Nunca saí da Aldeia de Hanja.
    Etzel se distraiu a olhar para o reflexo das água da fonte no teto cravejado de ágatas coloridas.
         A pergunta de Shou o remetia a um fato inusitado de sua vida.
__Verdade mesmo?__ Shou perguntou.__ Tenho a sensação que você sabe tanto, Etzel... Eu esperava que você me ensinasse o que preciso saber sobre esse lugar.
__Se quer saber... Eu, Etzel o mago, nunca saí dessa aldeia... Mas, meus olhos conhecem toda Finis Tempore.
__Seus olhos?
    Desviou seu olhar das ágatas coloridas afim de explicar, mas ficou mudo, totalmente sem palavras.
    Não esperava de modo algum mirar-se em Shou e deparar-se com ele completamente despedido, suas asas tinham sumido e ele parecia alheio ao seu olhar experimentando a temperatura da água com os dedos do pé.
     As roupas antes no corpo de Shou estavam no chão pedregoso.
__Que foi?__ O anjo nu perguntou com total naturalidade.__ Não quer entrar na fonte comigo?
    Etzel tinha plena consciência que não havia qualquer malícia nos gestos de Shou, sua nudez podia ser sedutora, mas isso porque a malícia estava toda no olhar do mago.
    Chegou-se pelas costas de Shou e segurando quase todo cabelo num longo rabo-de-cavalo, viu que nas costas dele havia somente o desenho rústico de um par de asas, tal como uma tatuagem perpetuada na pele.
__Toda vez que suas asas somem... Fica esse símbolo na suas costas?
__Acho que sim... Se você diz. Não posso ver minhas costas.__ Shou respondeu balançando de leve o pé na água.__ Entra na fonte comigo?
__Vai na frente...__ Etzel retrucou a encarar um pedaço da nuca sob o cabelo, aquele pescoço que tinha ganas de beijar.
     O cabelo antes em sua mão foi escapando por seus dedos a medida que Shou imergia nas águas da fonte.
    "Eu não devo entrar nessa fonte, sei que não devo... Minha razão está gritando para considerar enquanto me livro dessas roupas... Mas, esse anjo me deixa louco!"
     Tão logo Etzel e Shou se viram imersos nas fontes cálidas da montanha de Damion, Shou tornou a perguntar com vívida curiosidade sobre os olhos de Etzel.
__Como seus olhos podem conhecer toda Finis Tempore... Se você nunca saiu da Aldeia de Hanja?
__Isso vai nos levar a uma estória chata... E você também não conta nada do que preciso saber.
__Eu contei hoje... Não contei? Da minha missão no plano Etéreo...
    Mas, antes que Shou terminasse de falar, Etzel avançou nadando e cobriu-lhe os lábios com os dedos.
__Nada disso.__ Etzel o interrompeu.__ Se começar a falar nisso, vai ficar de novo com aquela expressão triste no rosto.
    Shou passou seus dedos por debaixo dos dedos de Etzel que estavam sobre seus lábios, trocaram olhares naquele breve silêncio ao passo que o mago aproveitou para enlaçar seus dedos aos do anjo, cobertos pelas águas da fonte até os ombros.
__Então... Me conta mais sobre os seus olhos.__ Shou usava de uma insistência que beirava o infantil em sua voz.  
__Meus olhos decifram os outros serem como se fossem livros abertos e esquecidos sobre a mesa... Mas, sabe o que mais me intriga? É olhar, não importa o tempo que for, para você e não conseguir ler nem o menor pedacinho da sua alma.
__Não tem nada para decifrar na minha alma... Eu sou sempre sincero com você.
    Seus joelhos se esbarravam sob a água ondulando e Shou é quem tentava perceber o que havia naqueles olhos que tinham a mesma cor das ametistas encrustadas nas paredes do interior daquela montanha.
     Não havia nenhum embaraço no modo como Shou examina o rosto de Etzel, nem de longe ele poderia supor que o barulho da água ecoando na acústica da caverna, a luz da chama refletindo nas pedras, seus corpos tão perto dentro da fonte preenchessem seu único amigo se uma feroz excitação.
     A se vislumbrarem entre os vapores daquela fonte, a voz de Etzel não poderia soar mais baixa e atrativa:
__Você diz que quer que eu te ensine sobre Antuerpéria, Shou... No fundo, você sabe que pode levar muito tempo até encontrar o caminho de volta, não é? E se você quer saber mais sobre mim... É porque precisa estreitar os laços existentes entre nós dois.
     Era verdade? Shou tinha sido envolvido naquele clima e olhava para dentro de si mesmo procurando saber se Etzel de algum jeito poderia ter razão.
    Nesse instante ínfimo que se distraiu olhando para dentro de si mesmo, em que se interrogava quase aflito sobre o que sentia, é que fora surpreendido pelos lábios de Etzel cobrindo os seus...

16 comentários:

  1. Bom dia Mel
    Eu gosto desse jeitinho do Shou tão ingenuo que torna os momentos bem sensuais sem se dar conta...
    Sabe que depois desse beijo uma pessoa sempre espera por mais :p

    Ah Mel eu baixei o Soundtrackde Hybrid Child, por acaso tem ou gostava de ter?

    ResponderExcluir
  2. Bom dia, Rima!
    Se bem que depois o Shou vai ficar mais ciente da malícia, inevitavelmente...
    O Etzel principalmente, como espera!

    Não... Na verdade só baixei as ovas.
    A Soundtrack é muito bonita, se puder me passar o link agradeço!

    ResponderExcluir
  3. Ah sim porque depois vai aprendendo algumas coisas
    Nossa o Etzel ainda fica maluco com a espera :p

    Eu lhe mando sim é bem linda mesmo eu estava ouvindo até agora mas o Martim não queria dormir então tive de parar -.-"

    ResponderExcluir
  4. E o Etzel é um bom professor, diga-se de passagem...
    Mas, eles vão conseguir chegar ao "finalmentes" no sétimo dia juntos... Ruim que depois o Shou meio que foge da vida dele.

    Eu sei... Já ouvi no You Tube uma vez... É boa para causar inspirações. ^^"
    Obrigada pelo link.
    Coloque as músicas no seu telefone e ouça nos fones.

    ResponderExcluir
  5. Pois ruim mesmo porque não podem desfrutar mais juntos -.-"

    Eu já tou a ouvir nos fones eles que sempre faz birra para dormir... mas ja adormeceu :)

    ResponderExcluir
  6. Mas, já estou quase chegando no capítulo que se reencontram finalmente!!
    Um está morrendo de saudade do outro. ♡

    O Luan também brigava contra o sono e se você quer saber... Ele briga até hoje.

    ResponderExcluir
  7. Ah dizendo isso consigo imaginar um capitulo bem emotivo e cheio de amor!

    Não me diga isso eu aqui pensando que era apenas uma fase de bebé -.-"

    ResponderExcluir
  8. Ou bem dramático...

    Pode ser traço da personalidade mesmo... No caso do Luan, ele era inquieto à noite (hora que eu esperava que ele fosse ficar sossegado dentro do meu útero) e mesmo ainda grávida, ele era inquieto... (Nunca gostou muito de dormir de dia também)

    ResponderExcluir
  9. Tanto faz logo que seja bonito *-*

    O Martim é em inquieto também... também o era dentro da barriga, mesmo agora dormiu mas já está acordado

    ResponderExcluir
  10. Vou me esforçar para sê-lo \o
    Mas, não se esqueça que o Jang espreita...

    Desde pequenos essas crianças já mostram parte da personalidade que vai amadurecer com o passar doa anos.
    Martim é bem esperto e agitado, pelo visto.

    ResponderExcluir
  11. Ah pois esse deve ficar bem enciumado se vir os dois abraçados

    Ele é muito sempre fica dando pontapés para não dormir ele é bem espertinho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom... Ainda vou escrever, então veremos como todos reagem. ^^"

      Então, pode ter certeza que ele não vai mudar muito.

      Excluir
  12. Mel eu agora vou ter de sair

    Amanhã tou de folga então devo ter tempo para tudo mais um pouco
    Beijinhos <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo bem!
      Então, amanhã nos falamos ^^"
      Beijos

      Excluir
  13. Eu não tenho o costume de ler Muito online quando se trata de história mais eu bati o olho e não conseguir para de ler, que escrita envolvente, personagens vividos e por mais que eu li no meio da história me interessei

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Taina! Fico feliz em ler seu comentário. :)
      Mas, se você quiser ler a estória do início eu te passo o link do primeiro capítulo, viu?
      Agradeço por se interessar por minha escrita.

      Excluir

Oi! (◍•ᴗ•◍)
Veio comentar?
Cada autor desse blog recebe um imenso incentivo a cada comentário.
(Comentários anônimos também são bem vindos ^^")
Agradecemos sua opinião! ٩(๑•◡•๑)۶
Mas, se for apenas comentar sobre erros de gramática, isso é dispensável.

Siga-nos no Facebook

o
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...