8.2.16

O Segundo Anjo - Crônicas de Antuerpéria Chapter 6 por Mel Kiryu


  Chapter 6 O verde claro do absinto

     Era a noite do quarto dia.
    Uma noite quente, tal como no dia que se conheceram naquele mesmo quintal.
    Não que Shou a princípio quisesse desfrutar da noite, Etzel é que o tinha tirado de dentro de casa, feito com que ele fechasse um de seus livros.
     Os dois sentaram-se numa rocha encravada no solo num canto do quintal, Etzel encheu dois copos de cristal com absinto. A garrafa em formato triangular estava atrás de ambos na parte plana da rocha.
     Shou fitou a bebida verde clara dentro do copo, o cheiro era convidativo, só que ainda não tinha tomado um único golinho.

      Não tinha mais saído da morada de Etzel depois de sua ida a Taverna Luo Pan e apenas se separava de Etzel quando ele saía para comprar mantimentos, ou ingredientes para poções.
            Por isso, encarava aquele licor verde mergulhado em pensamentos.          
     Em tão pouco tempo, percebia-se tão dependente de outro ser.
     Mas... Por quê? Era um anjo, uma existência superior, um ser celestial dotado de inteligência extraordinária e mesmo assim o receio o dominava, o medo fazia Shou recuar.
     Antes pensava saber tanto, mas agora sentia realmente que nada sabia.    
     Ainda não entendia as complexas necessidades de seu corpo, tinha dificuldade de interpretar tudo que sentia, às vezes chorava apenas por dentro sem que ninguém soubesse feito criança... Será que de algum modo Etzel percebia seu pranto de alma? Por isso ele insistia em protegê-lo com tanto afinco?
      Shou andava a se sentir um estorvo, a tristeza que muitas vezes o afligia enevoava seus pensamentos e terminava sempre perdido.

       Perdido...
      Perdido numa terra estranha.
      Perdido dentro de um corpo físico que o atordoava.
      Perdido em pensamentos.
      Mais do que perdido no verde claro do absinto.        
__Shou...
     A voz de Etzel soou musical, uma nota ou duas suave e fluida penetrando nos sentindo do anjo, fazendo Shou estremecer enquanto erguia seu olhar.
__Permita-se relaxar, hum? Ao menos um pouquinho...
    Etzel estava rindo de manso, esbarrando de leve no ombro dele.
__Desculpe...__ Shou sorriu algo tenso.
__Prove do licor...__ Etzel sugeriu a esbarrar com seu copo no dele, o cristal tinindo.__ E dê uma olhada nessa bela noite.                                                                                                                                    
    Resolveu seguir a sugestão provando com cautela do absinto, atento a brisa noturna em seu rosto e cabelos, aos sons daquele instante, o céu estupendo onde se encontrava duas luas, quando nem sempre eram visíveis simultaneamente.        
     O céu intensamente pontilhado de corpos luminosos... Diminutos a olho nu.
     Tomou mais um pouco do licor a observar a montanha Daimon.
__Quando sobrevoei a montanha... Reparei que ela tem uma abertura em sua lateral. Sabe onde aquela fissura dá?
__Quer ir até lá e descobrir?__ Etzel sorriu ainda mais faceiro.__ Nem precisamos escalar, sei um feitiço muito útil de teleporte.
    Aquele gosto exótico e refrescante vigorava em sua boca, a sensação causada era boa e Shou sorriu pensativo, roubando mais um golinho para si.
__E se fôssemos voando?
__Eu não sei se você reparou...__ Etzel ironizou.__ Mas, um de nós dois não tem asas.      
__Está me tomando por fraco?__ Shou brincou em tom de desafio.__ Posso voar com você até a fissura na montanha, não sou frágil do jeito que você pensa.
    Etzel tomou de seu absinto, uma boa dose, restando somente dois dedos de líquido no fundo reluzente.
           Passou a língua nos lábios provocante a fitar Shou.    
__Então, prove.
        Shou imitou a expressão de seu olhar, de seu semblante... Ainda que com um pouco menos de malícia. Tomou também uma boa dose e um pouco de absinto escorreu por seu queixo, deixando o copo vazio sobre a parte plana da rocha, logo pô-se de pé.      
    Entrepôs as mãos respirando fundo e as asas majestosas se projetaram em suas costas primeiro cobertas por uma fugaz luminescência.
   Etzel se ergueu sem pressa alguma a se espreguiçar:
__Hum... Não serei demasiado pesado para você?  
__Fique de frente para mim... E descubra por si mesmo.
__Shou é ousado quando quer... Gostei.
    E Etzel estalou os dedos das mãos, se colocou de fronte a Shou a fitar-lhe nas sombras da noite.
__Passe os braços por meus ombros e segure firme...
     Devagar Etzel o abraçou pelos ombros, não conseguia evitar que sua tez estivesse coberta de safadeza.
__Quando eu levantar voou... Prenda seus joelhos em minha cintura... Pronto?
     Sentiu Shou envolver suas costas com firmeza e o observou erguer a cabeça a calcular com o olhar até onde devia sobrevoar.
__Quando quiser, meu anjo e senhor.
     E num instante imprevisto, Shou abandonou o chão.
   Etzel ficou tão impressionado com o movimento das asas que quase esqueceu de encaixar os joelhos no corpo de Shou. Rapidamente ganharam altitude, um abraçava o outro com intensidade e firmeza.
    Não conseguia desviar-se da linha do pescoço, subindo o olhar pelo queixo, a face de Shou e seu cabelo azulado esvoaçando suave durante o voou que ambos alçavam...
     Etzel sorriu para si mesmo, deleitando-se com as sensações de seus corpos colados, o som do bater de asas, sabendo que ninguém mais em Antuerpéria voara nos braços de um anjo.
       Quem precisava de teleporte afinal?

57 comentários:

  1. Oi Mel
    Quem precisa mesmo de teletransporte tendo um anjo?
    Eu gosto de ver esses dois assim <3

    ResponderExcluir
  2. Oi, Rima-san!
    Olha que no enredo atual o Etzel adoraria se valer do teleporte... Mas, o feitiço só serve para pequenas distâncias.
    Estou me esforçando para que eles se encontrem de novo... Estou escrevendo um capítulo que o Etzel está tentando arrumar um meio de transporte rápido, ele já descobriu onde pode encontrar o Shou.

    ResponderExcluir
  3. Eu imagino... ele faria logo um feitiço para onde o Shou está
    Se descobriu onde ele está é meio caminho andado, agora tem mesmo de arranjar a maneira mais rapida de chegar ate ele

    ResponderExcluir
  4. E o Shou está dois dias de viagem na frente dele... Aí já viu.
    Até que ele vai arrumar um modo, o problema é que vai custar meio caro e não estou falando de dinheiro... -.-"

    ResponderExcluir
  5. Bem que ele precisa de um jatinho particular para o apanhar
    Ah imagino que alguem o vai subornar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ih... Acho que em Antuerpéria ainda não se tinha inventado o avião, para o azar do Etzel. E a Dawn ainda está no pé dele para lhe azucrinar um bocado.
      É que esse transporte tem um certo preço.

      Excluir
  6. É azar mesmo -.-"
    Imagino que a ajuda seja a Dawn que queria sei lá o quê em troca... se for está a ser mazinha

    ResponderExcluir
  7. Olha até que Dawn não é má... Mas, adora zombar do Etzel quando tem chance. :p
    Se a ajuda fosse da Dawn tudo seria mais fácil.
    Na real, é de um personagem que você ainda não conhece.

    ResponderExcluir
  8. Só para manter os atritos entre fadas e magos :p
    Ok... a Dawn não é má
    Ainda não conheço mas já não gosto só por não facilitar a ajuda ao Etzel
    Mel estava vendo o carnaval ai do brasil tá bem lindo *-*

    ResponderExcluir
  9. Sei lá, não sei se é por isso... Mas desde o início eles não tem lá uma boa relação. Lembre-se que a Dawn amava o Zessiel, então ela tem a mente aberta em termos de aceitação.

    ACHO QUE NÃO VAI GOSTAR MESMO...

    Ah, agora é que a Rima ri de mim...
    Eu não vi nada de carnaval até agora :p
    Terminei de ler um livro ontem e só por estes dois dias escrevi quatro capítulos e ouvi música.
    De mim o Carnaval está é passando bem longe, srsrs...
    Mas, deve estar bonito mesmo... Quem gosta de Carnaval de certo que capricha nas fantasias.
    Quanto a mim, prefiro a fantasia oferecida dos livros. ^^"

    ResponderExcluir
  10. Sim eu lembro disso mas ela sempre emperrou com Etzel, bem ele também não foi muito simpatico com ela -.-"

    Então vou ter de me preparar psicologicamente para ter que levar com um personagem que não gosto :p

    Eu só vi na televisão mesmo...
    Eu também tou tentando escrever -.-" Também comecei a ler um livro e quero desenhar, faz tempo que não desenho
    Carnaval é bom para quem tem férias ou o dia... mas aqui é bem diferente do brasileiro
    Sim os livros são melhores

    ResponderExcluir
  11. E embora a Dawn até tenha boas intenções, um fica implicando com o outro o tempo todo e a Lua já está até shipando os dois, haha... Mas, eu já disse para ela que o Etzel é do Shou e vice-versa.

    Esse personagem ainda demora um pouco a aparecer... Só lá pelo capítulo 21 da parte 2.

    Eu li o livro em dois dias, é que o rapaz que trabalha no Correio me emprestou e eu quero entregar para ele na quinta. Foi um livro legal... Só não me agradou o final.
    Verdade, tem tempo que você está querendo desenhar.

    Eu sei... Aí não para tudo, nem chega a ser feriado.

    ResponderExcluir
  12. rsrsrsr por esse lado até podiam ser um bonito casal, mas imagino mais como irmãos :p

    Ah mas eu espero o tempo que for preciso :p

    Que fixe ter alguém ter alguem que empreste um livro.... final nunca agradam sua maioria
    É mesmo.... como tenho essa semana livre vou tentar fazer alguma coisa ^^"

    Esse ano é meio feriado o nosso novo governo está devolvendo o que nos foi tirado e depois tira noutros aspetos

    ResponderExcluir
  13. Pode ser que sirva para fazer ciúme no Shou, de repente... Porque o Etzel ainda vai ficar mordido de ciúme por causa do Jang.

    Se eu continuar escrevendo com esse entusiasmo, rapidinho termino a parte 2 \o

    Entendo... O governo daqui só tira, não devolve nada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Engraçado que partiu do rapaz do correio querer emprestar, nem pedi nada... Mas, curti! Foi uma boa leitura.

      Excluir
  14. Então acaba sendo troca por troca... um fazendo ciume ao outro

    Mas isso é bom... bem que eu tou lenta... ou enferrujada

    Aqui vai devolver os feriados e ai aumentar o imposto de circulação automóvel para um preço elevadissimo com os combustives -.-" Preferia não ter os feriados ( afinal tem que os trabalhar na mesma)

    ResponderExcluir
  15. Ainda não sei bem como vai ser... Mas, por causa da ameaça feita pelo Saejin (ao dizer que o Jang ia morrer se o Shou deixá-lo), o Shou vai querer proteger o Jang...

    Eu acho que você andava era sem tempo mesmo!
    Porque você escreveu a estória da Tulipa rapidinho, né?

    É sempre um abuso essas trocas que o governo faz... Não é muito diferente da era medieval quando cobravam impostos altíssimos dos pobres plebeus. (Cadê o Robin Hood nessas horas? :P)

    ResponderExcluir
  16. Claro porque o Shou sempre banca o bonzinho, mas eu também ficaria com remorsos se uma pessoa morresse por minha causa

    Sabe que hoje até estranhei não ter o Martim em casa, tudo pareceu calmo demais

    Verdade no fundo a humanidade não mudou muito ( eu gostava de o achar -.-")

    ResponderExcluir
  17. Não é que o Shou banca o bonzinho... Ele sente necessidade de fazer o que é correto, tanto que ele fica se martirizando pelos erros que comete, a primeira mentira que ele contou ao Jang, o desejo sexual que ele sente ou o bandido que ele acabou matando no caminho.
    Então, como a bem dizer ele é imortal (dom dado por Deus aos anjos), ele se sente na obrigação de proteger o Jang.

    Por um lado é boa essa calma, não acha?

    Muito pouco na verdade, em essência.
    (Olha que eu também, até me juntava ao bando dele para tirar dos ricos para dar aos pobres)

    ResponderExcluir
  18. Ah ele contou uma mentira? Bem ele realmente se arrepende pelos seus pecados então acredito que deus perdoa
    Sente esse dever mas não esqueça dos outros ao seu redor...

    Sim é boa mesmo... mas estranha

    (houve em temo um senhor assim em portugal, tem um restaurante com o nome dele mas eu não lembro agora o nome dele)

    ResponderExcluir
  19. Contou sim... Jang perguntou indiretamente se o Shou era uma criatura como o assassino das asas cinzentas e Shou ficou tão apavorado que acabou negando que era.
    Evidente que o Shou não vai esquecer dos outros ao seu redor, mas vai ser difícil equilibrar a situação, porque você já viu que o Jang é fogoso pra caramba e provoca o Shou até quando ele está dormindo.

    Não estranha... Talvez incomum.

    Houve mesmo em Portugal alguém que agisse como o Robin Hood? 0_o

    ResponderExcluir
  20. Fazendo a pergunta desse jeito claro que ia ficar apavorado
    Fogoso demais diria eu... melhor arranjar ooutra almofada para se agarrar

    Sim mas dá para tentar aproveitar

    sim houve... ou diz que houve só que eu não lembro do nome do senhor

    ResponderExcluir
  21. Na verdade a mentira bem deixou o jang aliviado, por ironia.
    E o Shou se sentindo culpado... Ele está se esforçando para ser tudo que não é.

    ResponderExcluir
  22. rsrsrs por assim não considera o Shou um assassino
    Assim ainda vai deitar a pata na poça e ainda vai ser pior, digo eu

    ResponderExcluir
  23. Não mesmo, se o Shou matou com a espada um bandido, então matou quem merecia morrer. O conceito de justiça para o Jang é bem simples.
    Ah, vai... O Shou é tão inocente que não para de meter os pés pelas mãos.

    ResponderExcluir
  24. Para mim esse conceito também está correto
    Por isso que ele precisa de alguém cuidando dele para não dar asneira.

    Mel eu vou ter de sair..
    beijinhos e até amanhã

    ResponderExcluir
  25. Nesse sentindo, o Shou estava mais protegido quando estava com o Etzel...
    O Jang não pode protegê-lo sem conhecer sua verdadeira natureza.

    Até amanhã, Rima!
    Foi um prazer falar contigo :)

    ResponderExcluir
  26. Oi, Rima-san ^^"
    Tudo bem... Tô cansada :p Hoje tiramos o dia para pintar a casa, parei de trabalhar com isso a uma hora atrás e agora estou escrevendo.
    E contigo?

    ResponderExcluir
  27. Que fixe pintar a casa ^^"
    Eu tive o Martim aqui... mas deu para escrever enquanto dormia agora tou escrevendo outra vez ^^"

    ResponderExcluir
  28. É, tá toda branquinha.
    Trabalho maior foi organizar os livros... Tive que tirar todos do lugar e depois recolocar após o trabalho de pintura.
    SE o Martim ficou tranquilo, é sinal que ele está bem. :)

    ResponderExcluir
  29. Eu acho que fica bonitinha assim minha casa também é toda branquinha, a minha antiga casa, a casa dos meus avós tinha uma repartição de cada cor, lembro que o meu quarto era cor de rosa claro e o da minha mãe verde claro... o do meu avô azul claro....
    Isso é chato mesmo uma altura também pintamos as paredes da escola e tivemos que tirar tudo e cobrir o restante com jornais
    Hoje só queria dormir ....

    ResponderExcluir
  30. A casa dos meus pais também é colorida... Mas, o branco reflete luz... Gosto disso.
    Pintamos parte da cozinha, a sala e dois quartos... O meu quarto deu trabalho porque é cheio de livros. Agora só falta dar uma varrida na sala e na cozinha.
    O soninho devia estar atrasado.

    ResponderExcluir
  31. Eu também dá muito mais claridade ao casa.... uma altura tinha umas cortina rosa choque no meu quarto tirava a claridade toda então acabou que as tirei e a janela ficou um tempo sem cortinas nenhumas
    Imagino que deve ser uma minni biblioteca rsrsrsrs
    Ah se devia.... e com esse tempo de chuva não existe melhor duque dormir

    ResponderExcluir
  32. Uso persianas nas janelas durante certas partes do dia, porque minha casa é no segundo andar e o sol entra muito diretamente. Mas, também evito cortinas de cores escuras.
    Mini, bem mini mesmo... Um biblioteca pequenina.
    Aí tá chovendo? Aqui tá um calor daqueles...

    ResponderExcluir
  33. Minha mãe na altura queria umas escuras porque tinha um vizinho que morava por tras da minha casa e era meio tarado -.-" Agora não mora ninguém
    Mas mesmo pequenina já é bom ter uma :)
    Tá chovendo teve um tempo terrivel muitos carnavais foram cancelados por causa do mau tempo

    ResponderExcluir
  34. Vizinho tarado? Que sinistro...
    É sim... Aos pouquinhos ela cresce.
    Aqui, pelo contrário já tem feito uns dias bem bonitos e quentes.
    (um pouquinho de chuva ia bem nessa altura... Por aqui.)

    ResponderExcluir
  35. Ás vezes me assustava quando pegava na espingarda e dava tiros para o ar....
    E cresce mesmo a cada dia está cada vez mais inteligente
    Não me importava de um pouco de quentinho
    ( fazemos umas troquinhas dou um pouco de chuvinha e a mel da um pouco de sol quentinho :p)

    ResponderExcluir
  36. Mas, para que o cara dava tiros para o ar? 0_o Coisa de maluco!
    Será mesmo? Ai, ai... Tanto conhecimento para absorver, tantas estórias para ler e tão pouco tempo.
    Ok... Vou mandar esse sol danado aquecer um bocadinho Portugal e aí você manda para cá esses cúmulos nimbos carregadinhos de chuva ^^"

    ResponderExcluir
  37. Não me pergunte nunca soube...
    Nem fala em pouco tempo.... mas tem que pensar que esse pouco tempo é aproveitado em algo bom.
    Ah preciso urgentemente meus pés tão congelados rsrsrs
    Eu mando eu mando ;)

    ResponderExcluir
  38. Sabendo ou não... pra mim é coisa de maluco o simples fato de se ter uma arma em casa.
    Ao menos, faço o possível para ser um tempo de qualidade.
    E meus pés suados, isso que é ironia.
    A primavera aí chega em março?

    ResponderExcluir
  39. Todos diziam que ele era maluco, mas dava-me bem com a filha dele...
    Sim qualidade ;)
    Ironia mesmo -.-"
    Sim começa em março e ai deve chegar o outono

    ResponderExcluir
  40. Então, daqui a um pouco o frio debanda de Portugal ^^"
    Bom, às vezes ele era apenas excêntrico e não maluco como diziam.
    Isso aí... Vem o bendito outono, a estação que eu mais gosto.

    ResponderExcluir
  41. Ás vezem nem tudo é como dizem
    Verdade chega a primavera ... estação que eu gosto e o outono a estação que a Mel gosta :)

    Mel eu vou ter de sair...
    Beijinhos e até amanhã

    ResponderExcluir
  42. E como a gente sempre diz, ninguém é de todo mal.
    Sei disso e pensei o mesmo... E você nasceu durante a primavera aliás.

    Tá certo, Rima.
    Até amanhã.
    Grande beijo.

    ResponderExcluir
  43. Oi, amigona.
    Tudo bem por aí? ^^"
    Mel escrevendo para variar. (E esperando o carteiro, mas acho que pela hora ele nem vem mais -.-")

    ResponderExcluir
  44. Tudo
    Eu vou começar a escrever agora :p
    ( sei lá... meu carteiro passa no máximo até ás duas da tarde depois disso nem me preocupo mais em ir ao correio)

    ResponderExcluir
  45. Êba! Recebi seu capítulo a propósito. (obrigada!)
    Ah, mas de vez enquanto ele entrega cartas e pacotes lá pelas cinco da tarde, mas hoje fiquei querendo pelo visto... Eu rastreio as encomendas por um aplicativo no celular que avisa quando a encomenda vai ser entregue.

    ResponderExcluir
  46. Não tem que agradecer, já tou escrevendo o próximo :)
    Pelos vistos ficou esperando mesmo Mel.... talvez se tenha atrasado e amanhã faz a entrega
    Não sabia da existência desse aplicativo

    ResponderExcluir
  47. Tudo bem... Fazer o que, amanhã será outro dia. :p
    Eu não sei se os correios de Portugal tem aplicativo semelhante.
    Mas, visto de um certo ângulo, é ruim porque a gente só fica mais ansiosa para receber a encomenda!

    Tá escrevendo Love is strange mesmo?

    ResponderExcluir
  48. Verdade
    Não sei... não envio muito correio, mas quando enviei para si tinha um codigo para saber onde a carta andava
    E pelos visto a Mel esta mesmo ansiosa por essa encomenda

    Estou... era para escrever outra história mas acabei ficando por Love is strange ^^"

    ResponderExcluir
  49. Eu trabalho direto enviando e recebendo encomendas pelo Correio.
    Faz algum tempo que estou a espera de uma encomenda do Japão.
    Mas a de hoje era um livro... Que eu comprei aqui mesmo no Brasil.
    E eu a estória do anjo.

    ResponderExcluir
  50. Ai imagino que saiba mais sobre correios
    Mas do Japão deve demorar bastante tempo...
    Mel deve estar desejosa pelo livro

    Mel gosta de escrever essa história rsrsrs deve andar bem inspirada

    ResponderExcluir
  51. Eu imagino que eu esteja bem inteirada sobre o funcionamento dos Correios.
    Depende do envio que a gente paga, como eu paguei o mais barato (que não é tão barato assim), demora até 12 semanas.
    Ah, sim... Parece ser um livro muito bom.
    Chama-se Corte de espinhos e rosas... Tem fantasia e romance.

    Olha, esse capítulo em questão está meio difícil de desenvolver, porque é com o Jang e o Shou... E eles tem um modo complicado de se envolver e conviver um com o outro. Afora o fato que as coisas ficaram piores desde que o Saejin falou com o Shou na gruta dos espelhos.

    Rima, vou me ausentar.
    Mas, daqui a pouquinho volto.

    ResponderExcluir
  52. Isso realmente é muito tempo de espera.... mas quase vem de outro canto do mundo então deve demorar bastante mas a demora sempre compensa
    Só pelo nome parece interessante mesmo...

    Quando são com pessoas de dificil envolvimento é dificil escrever, eu tou escrevendo uma discussao mas como é com o Nobuhiko e a Ina é mais facil escrever duque se fosse o Hisashi porque ele cala...

    Aproveito e também vou sair Mel
    Beijinhos e até amanhã
    <2

    ResponderExcluir
  53. Tem hora que demora menos que 12 semanas... Mas, dessa vez estou sem sorte. :P

    Discussão entre a Ina e o Nobuhiko? Vish, o bicho vai pegar! (*sai debaixo* literalmente!)

    Até amanhã, amigona!
    E lá vou eu desenvolver o capítulo...

    ResponderExcluir

Oi! (◍•ᴗ•◍)
Veio comentar?
Cada autor desse blog recebe um imenso incentivo a cada comentário.
(Comentários anônimos também são bem vindos ^^")
Agradecemos sua opinião! ٩(๑•◡•๑)۶
Mas, se for apenas comentar sobre erros de gramática, isso é dispensável.

Siga-nos no Facebook

o
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...