6.4.16

Kind of Blues – Episódio 7 Parte 3 por Mel Kiryu


Kind of Blues – Episódio 7 O fio vermelho do destino desamarra sem querer
Parte 3 (por Hitaki Kiriya)

       Em alguns dias que se seguiram não consegui falar com Satomi, nem ele ligou para mim.
     Meu empenho e envolvimento com o curso se deviam ao fato que eu precisava preencher minha mente e deixa-la ocupada, era a primeira vez que eu entrava em um campus de uma Universidade.
    Havia alunos de várias escolas, que assim como eu eram de outras cidades.
    Eu não me senti tenso no primeiro dia, embora a maioria estivesse. Não me intimidava estar em meio a um bando de desconhecidos, no próximo ano eu sabia que estaria frequentando uma universidade tal como aquela.

    Havia cerca de duzentos alunos inscritos e quatro turmas foram formadas.
    No primeiro dia, me chamou atenção após as aulas um grupo de alunos que rodeavam um outro que tocava violão. Geralmente esses grupinhos não eram atraentes para mim, mas considerando que eu voltaria apenas para meu quarto no albergue e me sentiria inevitavelmente só, resolvi me aproximar algo tímido.
    A música tocada no violão pelo rapaz era alegre e cheia de energia, as meninas acompanhavam batendo palmas, outros apenas olhavam como eu.
     "Eu devia aproveitar o momento como essas pessoas que estão aqui pela primeira vez como eu... Sentindo a música tão despreocupadas."__ Eu acompanhava ainda desajeitado a batida do violão com os pés, estava começando a pegar o espírito da coisa quando ouvi meu nome ser soprado entre as palmas e os acordes ressoando através das batidas energéticas e rítmicas nas cordas de aço.
__Hitaki... Que incrível te encontrar aqui...
    Não, eu devia estar enganado... As palmas, a música devia estar confundindo meus sentidos! Mas, confirmei minhas suspeitas no que olhei para o lado e encontrei Tsukemi mirando-se em mim com seu sorriso incolor.
    Era de se imaginar que Tsukemi e eu nos afastássemos da pequena multidão momentaneamente  feliz, na realidade nós dois estávamos surpresos com esse reencontro súbito.
__Ah, ficou na turma A? Eu fiquei na turma D... Aquela última sala do pavilhão.__ Tsukemi parecia mais animado do que eu.
__Quem diria que viríamos fazer o mesmo curso de verão...__ Comentei com a minha velha mania de ajeitar o óculos no rosto.__ Já decidiu o que vai fazer na faculdade ano que vem?
__Bem...__ Tsukemi revirou o olhar, senti que não era uma questão tão simples para ele.__ Estou num impasse... Meu pai quer muito que eu faça direito, ou engenharia... Mas, eu queria era fazer o curso de Belas Artes.
__E por que você não faz Belas Artes?...__ Eu dei os ombros enquanto caminhava ao seu lado.
__Meu pai disse que isso não é profissão... Que nunca vou me manter fazendo esculturas ou pintando quadros. Sendo franco... Eu nem queria fazer esse curso.
__Tsukemi, achei que estivesse mais animado do que eu!__ Eu ri.
__Entendeu errado...__ Ele me sorriu pequenamente.__ Estou animado porque encontrei você, Hitaki... Toma cream soda comigo?
     Eu topei, também estava contente em ver Tsukemi, muito embora eu tinha solavancos interiores por pensar que se Tsukemi estava por perto, Togashi Yuki com certeza também estava.
   Paramos numa sorveteria fora do campus.
   Os dias em junho andavam abafados e o céu ficava sempre nublado no fim da tarde, andava chovendo todos os dias.
__Então... Você já sabe que curso vai fazer?
__É bem provável que seja medicina.
__Medicina?__ Tsukemi indagou admirado.__ Acho que você deve ser o filho que meu pai adoraria ter...
__Seu pai já voltou de viagem?
__Tem pouco tempo que ele voltou, aliás... Para onde você vai quando não está no curso?
__Estou num Albergue, deve ficar a uns quinze minutos de caminhada da Universidade.
__Para que isso? Fique como hóspede na minha casa, eu ia adorar sua companhia!
    A mão de Tsukemi tocou a minha, tão terno.
__Ah, não... Tsukemi...__ Meu sorriso sumiu e meu receio disparou numa escala absurda.__ Suponho que não seja uma ideia muito boa...
__Por quê?__ Tsukemi me observava debruçado na mesa que ocupávamos na sorveteria.__ Se está recusando por causa do meu tio, receio que você não tenha como evitá-lo.
__Como assim?...
__Yuki é um dos professores do Curso que estamos fazendo... Cedo ou tarde vai encontrar com ele.
     A mão de Tsukemi acariciou sutilmente a minha e devo ter feito a expressão mais desarmada possível, isso não era nada bom... Esbarrar com Togashi Yuki quando estou tão distante de Satomi.
    Naquela tarde, recusei visitar a casa de Tsukemi... O mais gentilmente possível.
    Contudo, marcamos de nos encontrar na faculdade e nos intervalos entre a grade do Curso que tínhamos que seguir.
      Voltei para o meu quarto no Albergue com a noite e a chuva caindo.
      Tomei um banho, eu tinha comido pelo caminho e por isso não tinha fome.
      O som da chuva era estridente, vez ou outra trovejava.
      Tentei ligar para a casa de Satomi, mas ninguém atendeu.
      Mesmo depois que deitei para dormir no futon fiquei encarando o visor do meu celular na esperança que Satomi me ligasse.
      Houve uma queda de luz no albergue e terminei pegando no sono...
      Com o amanhecer veio o medo do incerto.
      Tive ganas de desistir de tudo.

14 comentários:

  1. Oi Mel
    Bem que eu achava tudo muito calmo e tal.... não é que eu desgoste do Tsukemi muito menos do Togashi....rsrsrs
    Só que para o Satomi as coisas não poderiam ficar nubladas? Ainda para mais longe

    ResponderExcluir
  2. Oi, Rima :)
    Você não achou que o Hitaki só ia ficar estudando, né? :p
    Eu tinha que animar as coisas um pouquinho já que o Hitaki vai pegar uma estação chuvosa em Sunakawa.
    O Satomi vai dar uma sumida... Me pergunto se as leitoras sentirão falta dele.

    ResponderExcluir
  3. Até que o acho esforçado nos seus estudos mas estava mesmo algo faltando...
    Com o tempo de chuva o melhor é ficar em casa ou no quarto...
    Acho que mesmo os que não gostam vão sentir como eu sinto do Misato :p

    ResponderExcluir
  4. Bom, o Hitaki nem bem chegou em Sunakawa e meio que já se arrependeu, se pudesse voltava correndo.
    Mas, ficar sozinho no quarto pensando no Satomi é uma tortura...
    Será? O fan club do Togashi é bem grandinho...

    ResponderExcluir
  5. Bem agora não adianta muito o arrependimento o melhor mesmo é aproveitar
    Pode ser acompanhado não?
    Mesmo assim ainda pode existir aquela percentagem que goste e sinta falta do Satomi e das suas encrencas

    ResponderExcluir
  6. No fim é o que ele vai tentar fazer...
    Talvez descubra-se um pouco mais sobre a vida do Togashi e do Tsukemi também.
    A Kisu vai sentir falta do Satomi, disso eu sei...(Ela já me deu uma bronca via whatsapp pelo o Satomi não chegar a tempo na estação para se despedir do Hitaki, rsrs...)

    Ah... Li seu capítulo de hoje e que evolução... O Tetsuo está se acostumando a ter o irmão do Nobuhiko por perto.

    ResponderExcluir
  7. Bem me parecia :)
    Humm isso sim é interessante *-*
    rsrsrsrs Só mesmo ela, não vou negar que também sinta um pouco falta dele já que é o que dá mais encrenca :p

    É mas ele apenas o vê como um amigo uma companhia que não costuma ter

    ResponderExcluir
  8. Mas, digamos que ele está meio receoso de topar de repente com o Togashi.
    E vai acabar conhecendo até o irmão mais velho do Togashi, que é o pai do Tsukemi... Mesmo sem o Satomi, o Hitaki vai criar as próprias confusões.

    É assim que começa!

    ResponderExcluir
  9. Imagino afinal estar com ele nos olhos do Satomi é traição
    Nossa eu até tenho uma curiosidade sobre esse irmão do Togashi apesar que imagino-o bem difrente dele

    Verdade
    Mas a evolução para algo mais é que faz uma enorme confusão para Tetsuo

    ResponderExcluir
  10. Bom... Mas, a princípio o Satomi e o Hitaki não estão mais juntos, embora a amizade deles tem um "quê" de algo mais.
    Então, não poder considerado traição.
    E você está certa, de certo modo o irmão do Togashi é bem diferente, mas quando você vê os dois juntos... Não negam que são irmãos.

    Ah, mas para isso existe o Hitaki... Para ajudar a esclarecer essas dúvidas.

    ResponderExcluir
  11. Pois esse bocadinho a mais já requere uma responsabilidade, um cuidado especial digamos assim
    Hu eu estou imaginando dois sexys juntos *-*

    rsrsrsr O esclarecedor de duvidas telefonico :p
    Mas eu Hitaki vai ajudar muito

    ResponderExcluir
  12. Verdade... Mas, quando a carência bater de forma desesperadora quero ver o Hitaki conseguir ser fiel.

    E eu que ainda não consegui decidir se o Hitaki vai ou não morar perto do Tetsuo... Ai, que atraso de vida da minha parte. -.-"

    Rima, eu vou lá me deitar um pouco... Estou com enxaqueca desde cedo...
    Desculpe por ter que sair assim, viu?
    Agradeço pela conversa (aceito sugestões sobre o Hitaki ir morar perto do Tetsuo... Tô meia perdida) e deixo um grande beijo!
    (Ah, e depois me conta o que você e a Kisu conversaram sobre Sight of Sea, hoje também ela me disse que estava com dificuldades de desenvolver um capítulo sobre os sentimentos do Kyle).

    ResponderExcluir
  13. Ah com carência a coisa fica dificil mesmo

    Eu também sou um atraso de vida :p
    Sinceramente também ando meia perdida, sei que já perguntei a Mel se fora Junho ou Julho a ultima vez que conversaram mas já me perdi outra vez -.-"
    Temos que combinar cenas.... também tenho algumas duvidas
    Mas depois falamos
    Agora descanse Ok?
    E melhore rápido!
    (Nossa... crise das autoras.... Hum o Kyle é outro ruivo complicado XD)
    Beijinhos Mel
    Que a enxaqueca vá embora logo <3

    ResponderExcluir

Oi! (◍•ᴗ•◍)
Veio comentar?
Cada autor desse blog recebe um imenso incentivo a cada comentário.
(Comentários anônimos também são bem vindos ^^")
Agradecemos sua opinião! ٩(๑•◡•๑)۶
Mas, se for apenas comentar sobre erros de gramática, isso é dispensável.

Siga-nos no Facebook

o
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...