4.5.16

Mel Caramelo e Chocolate Rewrite Capítulo 103 por Mel Kiryu


Capítulo 103 As nuances ocultas de um novo amor

     Aquele mesmo início de novembro

     Tinha posto os pratos lavados no escorredor e suas mãos estavam geladas por em virtude da água da torneira.
    Pensou em oferecer ajuda a sua avó para estender as roupas, mas quando saiu no quintal as peças já estavam estendidas e sua avó Nagoro estava colhendo os nabos que tinha semeado há cerca de oitenta dias atrás.

__Obaasan... Não prefere que eu faça isso pela senhora?__ Kitsune se chegou de manso, arregaçando um pouco mais as mangas da blusa.
__Não precisa... Faço isso a tantos anos que a vida perderia o sentido se eu deixasse de colher o que plantei.__ Nagoro retrucou algo meditativa.__ Escuta, Kitsune... Não é estranho você estar em casa em pleno sábado? Normalmente já teria arredado o pé daqui, menino.
__A senhora não gosta quando eu fico em casa?
    Nagoro colocou outro nabo colhido na bacia ao seu lado naquele terreiro e ergueu o rosto afim de investigar as feições pseudo-ingênuas de seu neto.
__Sabe do que estou falando, neto-avoado! Todo fim de semana você se metia para os lados de Okami e esse é o segundo final de semana que passa por essas bandas, daí você some no final da tarde e só volta para casa no final do domingo... Já está mais que na hora de dizer o que você anda aprontando!
__Não posso contar, Obaasan... A senhora não pode confiar um pouco em mim?
    Nagoro segurou na perna de Kitsune e se levantou num impulso, estreitando o olhar antigo completamente invocada.
__Se não pode contar, neto-cabeça-oca... Boa coisa é que não é!
    Fazia tempo que Nagoro não o encarava tão brava, se estivesse com o cachimbo na mão, de certo que já o teria metido com toda força em sua cabeça.
   Em vez disso Nagoro apontou seu dedo bravio bem na fuça de Kitsune.
__Como vou saber se não está se metendo com gente de má índole, hein Kitsune?! Nunca me contou quem era a pessoa que ia encontrar em Okami! Ou onde diacho passava a noite por lá!...
     Kitsune entendia a preocupação de sua avó e sabia que sua avó apenas entenderia parte de suas razões se fosse honesto com ela.
    Por isso mesmo, Kitsune pegou a bacia repleta de nabos recém colhidos e fitou timidamente sua avó.
__Eu te digo, Obaasan... Lá dentro, pode ser?
    E  apenas dentro da cozinha, após Kitsune deixar a bacia sobre a mesa, Nagoro o encarou de braços cruzados e severamente.
    Avó e neto trocaram olhares no silêncio.
__Desde de setembro... Estou namorando com outra pessoa, Obaasan.
__Que pessoa? Se é que vai me contar!
__Por favor, Nagoro-Obaasan... Tem dado certo, gosto muito dessa pessoa... Só que não estou pronto para contar quem é.
__Hum... Não é que você arrumou depressa um substituto para Kanda!__ Nagoro comentou provocativa.__ Ou esta pessoa já havia roubado seu coração antes mesmo de Kanda terminar com você, hein Kitsune-kun?
__É... A senhora tem razão.__ Kitsune admitiu desajeitado, a voz muito baixa.__ Eu traí Kanda porque passei a noite com essa pessoa no Bunka-sai... Não é algo que eu tenha orgulho de admitir... Porque feri os sentimentos de Kanda da pior maneira.
__Tem certeza que essa paixão não é outro devaneio seu, Kitsune?__ Nagoro sacudiu de leve a cabeça em desacordo com a conduta do neto.
__Não, Obaasan... Acabei brincando com os sentimentos por não ter certeza, mas agora eu tenho... Por isso, essa pessoa é meu segredo... Até que a nossa relação amadureça.
__Isso pode demorar, Kitsune... Uma relação não se constrói do dia para noite.
__Agora eu sei disso, Obaasan... No tempo certo, deixarei a senhora saber.
__Se você diz...__ Nagoro ainda fitou o neto com desconfiança.__ Mas, ainda quero saber porque não tem mais ido à Okami.
__Porque... Recentemente essa pessoa se mudou para a região de Hajiketa.
    Nagoro jogou uma das mãos nas ancas algo estupefata, quase dissecando Kitsune com seu olhar sabido.
__Yare, yare...__ Finalmente Nagoro sorriu sagaz, as rugas em torno de seus olhos pareciam dançar.__ Está me dizendo que essa pessoa largou tudo em Okami por você?
__De certo modo... Foi isso, sim.
__Se quer proteger sua relação com essa pessoa tão especial, não vou me opor.__ Nagoro retrucou virando-se para alcançar seu cachimbo ainda que suas mãos estivessem sujas de terra.__ Só que imagino que se envolveu com outro rapaz... Já que precisa fazer tanto segredo.
              Kitsune riu sem jeito e baixou o olhar.
__A senhora já sabe demais, Obaasan...
__Nunca sei o suficiente, Kitsune... Quando se trata de você.
    E sem mais, Nagoro deu as costas para seu neto, preenchendo o fornilho do cachimbo com o tabaco, acentando o fumo com as unhas sujas de terra.
      Ouviu Kitsune deixando a cozinha e acendeu seu cachimbo, entre um trago e outro ficou a pensar.
     Não tinha ouvido falar de alguém que tivesse mudado para o vilarejo, não recentemente.
     Pelo visto esse novo amor era de fato um segredo bem guardado e até a velha Nagoro tinha curiosidade em saber onde isso tudo ia dar afinal...

9 comentários:

  1. Oi Mel
    Só vim mesmo dar um oizinho.... ando meio que sem tempo esses dois dias
    Mas eu gostei desse capitulo, a Nagoro vai descobrir não tarda nada e o Kitsune parece andar a endireitar

    ResponderExcluir
  2. Oi, amiga! Pode me matar, porque eu estava bem achando que seu aniversário era amanhã. -.-" (Que vergonha, não tô nem perto de você mas agora quero me esconder!)

    Meus parabéns! (E mil desculpas por ter confundido o dia)
    Muita alegria e sorrisos, viu?
    Tudo de bom!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. (Ainda morrendo de vergonha aqui... Desculpa mesmo)

      Excluir
  3. rsrsrsrsr não tem mal Mel
    Você até já deu prendinha ^^"
    Não precisa de se desculpar :) Ainda se lembrou antes de o dia acabar

    Eu ontem é que me fiquei a sentir mal, conversei pouco consigo, meu carro avariou tenho que vir de autocarro e perco mais tempo

    ResponderExcluir
  4. Ah, tem sim... -.-" Tipo, agora me senti idiota igual a um Seiji da vida.
    Nem vou me justificar, porque essa é injustificável.

    O carro avariou de novo? Poxa, vida... Mas, você está juntando para comprar um carro melhor, não é?
    Já eu tô trabalhando muito essa semana, também estava pensando ontem que não estava te dando toda atenção necessária.

    ResponderExcluir
  5. rsrsrs Mel tem que ter um bocadinho de cada personagem :p
    Mas não se preocupe com isso não

    Avariou sim.... sabe que desde que o comprei é sempre a mesma avaria, dessas ultimas vezes tenho levado a um mecanico que é cliente da pastelaria ele é bem legal telefonou-me á bocado dizendo que o carro tinha bruxarias na brincadeira
    Não me posso queixar, a Mel esta sempre disponivel independentemente da hora que eu apareço para falar, eu que me sinto mal por nunca saber quais as melhores horas para si

    ResponderExcluir
  6. Então, agora vou ter que fazer um desaniversário para a Rima!
    (Igual o Seiji fez para o Raiden... Bem, não exatamente igual :P)

    Olha que do jeito que ele avaria, deve estar mesmo enfeitiçado...
    Eu faço o possível para estar disponível. :)
    Já basta a distância a nos separar.

    ResponderExcluir
  7. Mel você me está fazendo rir com a história do desaniversário
    (igual não.... mas pode chamar o Misato na mesma até dele tou com saudade)

    Ele passou o dia todo fazendo testes no carro e acha que deu com o problema apenas está na duvida entre duas coisas, mas amanhã resolve.... mas já viu minha poupança para carro novo decai um pouco assim.... pelas minhas contas no final do ano já conseguiria comprar um bem bom.... agora assim não sei, mas pronto eu amo meu bolinhas com suas pancas igual á dona ^^"

    Verdade, distância é grande demais por isso que uma pessoa tem que dar um jeito de a minimizar, agora já tou me sentindo mal é que vou ter de sair -.-"
    Amanhã acordo cedo e tou meia gripada (virose que tem passado por toda a gente aqui... até Martinzinho tá)

    Obrigada pelo pusheen *-*
    Beijinhos e até amanhã
    ( se deus quiser havemos de por a conversa toda em dia)

    ResponderExcluir
  8. Ah, você acha que estou a brincar?
    Hum... Vai ver só se o seu desaniversário não chega. :D

    Entendi, o carro dá o seus problemas, mas você já se acostumou com ele, né?
    Fica até difícil de trocar.

    Sem problema, poxa... Não se sinta assim. (Devia era me beliscar por quase ter deixado passar o seu aniversário!)
    Então, as melhoras, viu?
    A todo pessoal aí que estiver gripadinho.
    Abraço bem quentinho de panda ^^"
    (Claro que sim!)

    ResponderExcluir

Oi! (◍•ᴗ•◍)
Veio comentar?
Cada autor desse blog recebe um imenso incentivo a cada comentário.
(Comentários anônimos também são bem vindos ^^")
Agradecemos sua opinião! ٩(๑•◡•๑)۶
Mas, se for apenas comentar sobre erros de gramática, isso é dispensável.

Siga-nos no Facebook

o
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...