8.7.17

Hasu no Hana Capitulo 3 por Rima-san


Capitulo 3
Um coração cativado

         Não sabia o que fazer com aquele rapaz, caminhava atrás de si sem se pronunciar,  as luzes publicas acendiam-se para iluminar as estradas enquanto a noite caia, não sabia para onde ir, mas sentia fome, o chá não tinha enchido a barriga e imaginava que o garoto também tivesse fome.
_Deveríamos jantar, onde tem um restaurante bom aqui perto?_ Kyoichi perguntou com as mãos enfiadas nos bolsos.

_Bem… tem aqui um perto, diz que se come bem e barato, é o Ramirinho, não é muito longe.._ Yasuhiko lhe explicou e os dois caminharam até junto do restaurante.
_Então pretendes ficar aí parado?_ Kyoichi olhou para o garoto por trás das lentes dos óculos.
_Me desculpe… eu não trouxe dinheiro comigo, eu posso ficar esperando por si aqui mesmo…_ Yasuhiko juntou as mãos e ficou reto junto á porta do restaurante.
_Quem vai ter de me desculpar és tu! Vieste para me fazer companhia, por isso jantas comigo, eu pago a conta e nem quero ouvir mais paleio a cerca disso!_ Kyoichi puxou pela mão do rapaz uma mão pequena e fria  e arrastou-o até ao interior daquele espaço simples mas agradável, pediu ramen e Yasuhiko pediu o mesmo para si.
_É tão bom vez ou outra não ter que cozinhar, a lida doméstica mata-me._  Kyoichi comentou bebendo um pouco de saquê.
_Eu não me importo com isso… até gosto de cozinhar._ Yasuhiko falou envergonhado segurando em seus hashis._ Minha tia não cozinha muito bem… e também não passa muito tempo em casa então…
_Ela devia dar valor a ter-te a fazer esses trabalhos, quem me dera ter alguém que me levasse a roupa e me fizesse o comer._ Kyoichi debruçou-se sobre a mesa._ A tua tia é bem maluquinha._ Kyoichi riu pousando o copo, logo se apercebeu que o rapaz não devia gostar que falassem assim da única tia que tinha._ Não queres um pouco de saquê?
_Não eu tou bem com a água._ Yasuhiko sorriu terminando a sua refeição, não pediram nada para a sobremesa e Kyoichi pagou a conta antes de saíram de novo não tinham destino nem conversa.
_Aluguei um quarto numa pensão aqui perto, pretendo ir para lá agora, sei que não é muito tarde, mas a viagem me cansou.._ Kyoichi falou parando junto a um pequeno rio, o reflexo da lua dava vida á água que corria calmamente levando junto as pétalas de flor de cerejeira.
_Entendo… você veio de muito longe? Veio passar férias ou por algum motivo em especial?_ Yasuhiko levou uma madeixa dos seus longos cabelos atrás da orelha.
_Venho de Himizuka… mas não tenho um motivo para ter vindo, apenas queria descansar, sozinho por um tempo…_ Suspirou não tirando os olhos do rio.
_Então… talvez eu deva ir…. Não quero importunar o seu descanso…_  Yasuhiko afastou-se um passo, mas Kyoichi puxou-lhe o braço, seus olhares cruzaram-se, nem sequer tinha um motivo para lhe pedir para ficar, apenas sentia a necessidade irremediável de ter a companhia daquele garoto.
_Bem… é que… o contrato seria de passares a noite comigo, imagino… que a tua tia te vá dar um valente sermão se fores já para casa…_ Kyoichi argumentou o melhor que pode.
_Tem razão mas eu posso aguentar com isso.._ De novo Yasuhiko lhe sorria.
_Podias passar a noite comigo… eu não me importo até que uma companhia seria agradável._ Mas o garoto  ficou em silencio olhando as sandálias em seus pés._ Eu não vou fazer nada contigo, juro! Se é isso que te preocupa…
_Eu sei que não faria…_ O olhar verde direcionou-se para si, ainda que tímido._ Se é isso que deseja lhe farei companhia..
Kyoichi de certa forma sentiu um alivio, foram juntos para a pensão, ao entrar no quarto sentiu-se um pouco mal por o ter ligeiramente desarrumado, mas o garoto não parecia se estar a importar com isso.
Pediu para Yasuhiko esperar por ele ali que apenas iria tomar um banho e quando regressou lá estava ele sentando sobre a cama com um sorriso no rosto.
_Foi uma pena não teres trazido o shamisen, adoraria ouvir-te tocar._ comentou sentando-se ao seu lado, ainda com os cabelos húmidos.
_Se tiver um tempo de vago amanhã toco com gosto para si…_ Yasuhiko deixou a cama e manteve-se de pé._
_Gostaria bastante._ Kyoichi pousou os óculos na mesinha de cabeceira e virou-se de novo para o garoto._ Não vens dormir?
_Eu posso dormir no tapete._ sorriu desajeitado e  então Kyoichi entendeu a mente de Yasuhiko.
_De jeito algum, então durmo eu no tapete._ Levantou-se e atirou uma almofada para cima do tapete.
_Não… não… esse quarto é seu, não suportaria vê-lo dormir no chão._ Yasuhiko agarrou o braço de Kyoichi um pequeno gesto a qual Kyoichi estava bem atento.
_Então… a cama não é muito grande, mas cabemos bem os dois nela… e se a tua preocupação é que eu faça algo contigo, eu não o vou fazer, não sou nenhum tarado sexual._ um sorriso enviusado apareceu em seu rosto, não era tarado mas gostava de um bom sexo, já o tinha feito até com a tia de Yasuhiko e já fazia algum tempo que não se envolvia com ninguém por isso seu desejo andava um bocado á flor da pele.
_Eu sei que não é assim, Kyoichi-san…_E foi a primeira vez que ouviu o seu nome ser pronunciado pelo garoto._ Você… é gentil, eu sei disso… você… durante o tempo que esteve comigo se preocupou eu me fazer sentir bem, você é um bom homem, vejo isso eu seus olhos._ Yasuhiko elevou seu braço e seus dedos deslizaram pela face de Kyoichi que á muito não recebia uma carica tão simples mas que lhe sabia tão bem._ Mas… também  vejo sofrimento através dos seus olhos… alguém como você não merece sofrer… não…quer falar sobre isso.
_Olha rapaz… é melhores ires dormir e ocupares só um lado da cama, ou eu ainda mudo de ideias e agarro-te agora._ Kyoichi não tinha a índole de ser bravo então não conseguiu assuntar o menino que o fitou sereno e depois se afastou pegando na almofada e se deitou em silencia, o sofrimento escrito em seus olhos não podia ser apagado, mas podia ser esquecido contido  Kyoichi parecia não querer esquece-lo.

2 comentários:

  1. Eu não me incomodaria nem um pouco se ele mudasse de ideia. Rsrsrs Cada capitulo, eu me encanto ainda mais por Yasuhiko. Ele é um amorzinho *♡*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas o Kyoichi nao esta muito afim de mudar de ideias (tentando se fazer de dificil) rsrsrs
      E pode crer que o Yasuhiko é um amorzinho ♡

      Excluir

Oi! (◍•ᴗ•◍)
Veio comentar?
Cada autor desse blog recebe um imenso incentivo a cada comentário.
(Comentários anônimos também são bem vindos ^^")
Agradecemos sua opinião! ٩(๑•◡•๑)۶
Mas, se for apenas comentar sobre erros de gramática, isso é dispensável.

Siga-nos no Facebook

o
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...