23.7.17

Linden Twins ♫ ♬ Capítulo 63 por Mel Kiryu


Capítulo 63

         Uma rádio local tocava Last Kiss do Pearl Jam.  
       Luciel mexeu no botão de sintonia do rádio no receiver de aço escovado para tirar o ruído da estação mal sintonizada.
     Catou do chão a correspondência que o porteiro tinha provavelmente passado por baixo da porta e deu uma passada rápida com o olhar em cada uma delas, contas em sua maioria.
     Não fazia muito tempo que tinha tomado um banho e ia sair para trabalhar em duas horas.
     A campainha tocou duas vezes seguidas, toques rápidos.
     Era o jeito de Lalo avisar que era ele atrás de sua porta.

     Mas, era meio cedo para estar com Lalo... Enfim, Luciel deu os ombros e passou a mão no cabelo úmido indo atender a porta.
__E aí, Lalo? Algum problema?... Você não costuma aparecer tão cedo.
    E Lalo somente riu com seu óculos escorregando pelo nariz afilado e estendeu o CD do Smashing Pumpkins preso por uma fita de presente lilás, ainda na entrada do apartamento.
__Que isso, Lalo?__ Luciel encarou o CD e sorriu de lado algo ressabiado.
__Ué, meu camarada! Presente de aniversário.
    E Lalo fez um gracejo bobo retirando por um momento seu chapéu fedora.
__'Tá, né... Mas, meu aniversário é só na próxima semana.
__É que não dava para esperar, prometo também comemorar contigo na próxima semana... Além disso, tem um brinde que vem o CD.
    Luciel estreitou seu olhar desconfiado em Lalo.
__"Brinde"? Lalo... Que merda você está aprontando, cara?
    Apesar de suas desconfianças, Luciel estava era achando graça do teatrinho embutido no trejeito de Lalo que ainda segurava o CD em sua mão, tal como uma alegoria.
   E parecia mesmo uma espécie de Pierrot ao fazer uma reverência obsequiosa, abriu mais a porta e o sorriso de Luciel sumiu quando percebeu que o brinde em questão era nada mais, nada menos que o próprio Jiang.
    Seus olhos, os olhos de Luciel e os olhos de Jiang colidiram não dentro de algum silêncio.
   A rádio sintonizada no receiver continuava despejando acordes e melodias e a voz de Lalo ressoou neste entremeio, mas Luciel a interrompeu de imediato.
    Friamente, sutilmente manchada de raiva.
__Não quero seu presente... Leve embora.
   Luciel empurrou a porta e Lalo a segurou.
   Jiang que estava logo atrás, quase rompeu-se em lágrimas. Estremecera por inteiro desde o segundo que ouvira a voz de Luciel conversando despretensioso com Lalo, enquanto a porta estava somente entreaberta.
__Não desperdice o brinde, Luciel.__ Lalo segurava a porta determinado e a seriedade de sua voz denunciava que o teatrinho havia terminado.__ Essa é sua chance de se resolver com o Jiang... Não importa que decisão vá tomar, vocês dois precisam conversar!
    E com a mesma tamanha decisão, Lalo encaixou aquele CD em sua mão e olhou em seus olhos por cima do óculos na ponta do nariz.
__Não precisa ir trabalhar hoje, 'ta falado?__ Lalo completou a bater firme em seu ombro.
__Acho que realmente te odeio, Lalo.__ Luciel refilou sarcástico.
__Ah, nem ligo.__ Lalo riu pretes a se retirar.__ Amanhã pode ser que até me agradeça.
     Não demorou e Lalo sumiu pelo corredor.
   E apenas sobrou Jiang Linden e Luciel Laine, um fora do apartamento, o outro dentro e com seus olhares a se vasculharem com certa timidez e reserva.
__Se quer entrar... Faça de uma vez.__ Luciel enfim disse, algo ríspido.
    O novo apartamento ficava no primeiro andar e ainda parecia um sonho, uma irrealidade em potencial estar entrando, passando pela porta enquanto Luciel lhe dava as costas e jogava o CD em cima da mesa que costumava usar para desenhar.
   Havia ainda caixas de papelão nos cantos, a mudança para o novo apartamento não havia terminado.
   Foi o próprio Jiang que fechou a porta e mesmo depois que tornou a se virar, Luciel ainda estava de costas, imerso num torturante silêncio íntimo.
__Eu sou um idiota daqueles com I maiúsculo... Por favor... Me perdoua, Lu.
__Não quis trazer aquela besta do Syaoran para te dar apoio moral?__ Luciel ironizou, a mágoa deixava sua voz demasiado pesada.
__Esquece o Syaoran... Eu já esqueci.__ Jiang pediu mantendo a voz culpada num tom que pendia ao cavo.__ Todo esse tempo, desde que abriu mão do segundo piso da loja... Eu só tenho tentado te encontrar, Lu.
__Ah, é?... Esqueceu mesmo, ou ele te dispensou?... Porque aparentemente eu sou sempre a segunda opção.
__Luciel...
__Você mentiu para mim!__ Luciel gritou e virou-se de lado, já que não conseguia encarar diretamente Jiang.__ Disse para mim que eu sempre fora sua primeira opção... Mas, foi ao Syaoran que você pediu para ficar ao seu lado! E ele mesmo fez questão de jogar isso na minha cara e disse que eu quem era o intruso!
__Eu... Eu não sabia que ele tinha dito isso.__ Jiang rebateu, tendo a voz baixa e trêmula.__ Mas, pode me xingar mais... Sinta-se a vontade para descarregar tudo em mim, Lu.
__Como é que é?__ O tom de Luciel era de injúria.__ Não vai tentar nem se defender? Argumentar sobre sua colossal idiotice? Ao menos tenha a decência de brigar comigo!
__Você acha mesmo que eu vim com a intenção de brigar?...__ Jiang espremeu um lábio no outro, seu cabelo caía solto pelo ombro, as pontas faziam uma curva tristonha.__ Pode jogar toda verdade e raiva na minha cara, eu mereço e nem me importo que faça isso... Desde que você me perdoe e volte a fazer parte da minha vida, Lu.
     Luciel preferia mil vezes, um milhão de vezes que Jiang gritasse, se defendesse com as verdades ou mentiras que tinha. Que atiçasse sua raiva, como quem atiça o fogo em seu desatino destrutivo.
     Não tinha como estar preparado para encarar esse Jiang que o olhava arrependido, destilando essa meiguice amiga e frágil.
    E nesse instante, Luciel sentiu-se menos bravo e no entanto, terrivelmente vulnerável.
   Esse Jiang que estava à três passos de distância criava uma sensação catártica no âmago de Luciel.
__Eu não quero fazer parte da sua vida, Jiang.
    Foi o que Luciel declarou com infinito pesar, desviando brusco seu olhar. Aqueles sentimentos antes aprisionados e acuados por sua raiva sarcástica lutavam para sair.
__Ouça a si mesmo, Luciel!...__ Jiang finalmente ergueu sua voz, motivado por aquelas palavras pesarosas, vazantes de um desespero velado.__ Você diz algo assim depois de estarmos um na vida do outros durante todos esses anos! Não pode me perdoar? Olha para mim pelo menos!
__Não dá, pô... Se eu calhar de olhar diretamente para você... Como vou conseguir evitar o impulso de ir até aí te abraçar?
   Jiang evocou um tímido sorriso tremulante nos lábios.
   Somente então, reuniu a coragem que precisava para se aproximar de Luciel.
    Fê-lo com uma pressa que tentava frear em vão e sendo os dois da mesma altura, ficaram um de fronte ao outro e Jiang encostou levemente seu queixo no ombro de Luciel, como se fosse aconchegar sua cabeça ali.
__Me abraça, Lu... Por favor.__ Jiang pediu num cochicho.
    Luciel hesitante... Também em vão.
    E como poderia apenas abraça-lo? Sem dizer coisa alguma, ouvindo a música que tocava na rádio, Luciel respirou fundo não somente abraçando Jiang, sentindo o corpo dele tão próximo ao seu. Também não pode parar sua vontade de encher de beijos a pele morna do pescoço dele, tão pouco aspirar-lhe profunda e demoradamente seu cabelo.
    Jiang retribuiu a envolver também Luciel com o ímpeto que alimentara em todos aqueles dias separados. Sua pele enlouquecendo com o toque afoito daqueles lábios, era muito mais do que esperava sentir.
             Sentindo o perdão que ansiava nos beijos que causavam arrepios em sua tez.


24 comentários:

  1. AAAAAAAAAA ( desculpa a loucura, Mel, é que tem gente aqui e eu senti vontade de gritar lendo cada linha desse capitulo)
    MEU DEUS DO CEU QUE LINDOS! Eu pensei que Luciel faria mais barraco, mas ele praticamente se declarou com esse ciuminho todo "Disse para mim que eu sempre fora sua primeira opção... " e se derretendo essa carinha de gatinho carente do Jiang. (Acho que Huang é o bravinho e Jiang é o carente kkk) Ai, finalmente. ♡.♡ Eu tô tão feliz, só fiquei tensa no início, mas tão lindos esses dois ♡.♡

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso acontece muito comigo, às vezes me dá uma vontade de surtar e eu sou obrigada a digitar o surto, rsrs... (Quase nunca estou sozinha quando mexo no PC).

      Ele bem queria encrespar e fazer sim mais barraco, mas o Jiang deixou? Cortou a onda do Luciel rapidinho. ^^"
      No próximo, tem mais dos pombinhos. :)

      Excluir
  2. Olá Mel
    Tudo bem? (prometido é devido e aqui estou eu ^^")
    Hoje já estive com a Riku

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rima-san!
      Tô bem, tô trabalhando no PC.
      E você? ^^"
      Como está a Riku? :)

      Excluir
    2. trabalho é trabalho né?
      Bem eu tenho a dizer que tou procurando um emprego novo, não me despedi tou de féras ^^"
      Tive a oferta de uma fábriga de fazer tinteiros de computador mas nem sei se é boa ideia
      A Riku tá boa, alias gostou da tela:)
      Amanha vamos ao porto

      Excluir
    3. Sim... É necessário afinal. E você faz é muito bem!! Conseguiu umas férias?
      Por que não seria boa ideia? A cargo-horário é puxada?
      Ah, eu sabia... Impossível não gostar.
      Dê lembranças minhas a ela, sim?

      Excluir
    4. consegui apesar de levar com a resposta por cima que não tiro mais férias quando eu quiser -.-"
      Não é das oito da manhã as sete da noite.... só que não sei se me dou em ambiente de fábrica, já trabalhei pouco tempo numa e não gostava do ambiente...
      Eu dou :)

      Excluir
    5. Eita! Sua patroa ficou brava pelo visto.
      Entendo... Com certeza é um ambiente totalmente diferente ao que você está acostumada.
      Obrigada pelas fotos da Riku... Estão uma gracinha. ♥

      Excluir
    6. desculpe a demora estava jantando
      Ficou brava porque não tinha ninguém para me substituir então esta a trabalhar no meu lugar
      Por isso que fico bem na duvida ainda para mais ja disseram se atraso a minha parte do trabalho atraso os outros todos e que com pequena coisa o patrão despede...
      Ainda bem que gostou

      Excluir
    7. Não tem mal, eu terminei de fazer os anúncios e estava estudando inglês.
      Entendi, creio que ele se sentiu algo afrontada, ou devia ter outros planos para o dia.
      Aí é um trabalho estressante na mesma, não é? Mais ou menos como trabalhar em confecção como já aconteceu comigo... E tinha que produzir uma certa quantidade de trabalho por dia.

      Excluir
    8. faz voce bem :)
      Não sei... tinha uma menina para fazer férias mas ela despediu-se de uma hora para a outra para ir com o namorado para o estrangeiro
      Só que eu fiquei triste de dizer que não me dava mais férias quando eu quisesse quando eu tinha pedido em Maio para ficar em casa na altura das festas de boelhe, mas ja decidi se nao der meto baixa médica
      Eu sei que tem que fazer x quantidade por dia, e conheco muita gente que apanhou depressão por estar sempre sobre pressão a mae da riku foi uma delas
      O namorado dela aconselhou me a não ire antes comprar um wordpad (acho que é assim que se escreve) e comecar a tentar fazer ilustraçoes para livros infantis e coisas assim

      Excluir
    9. Claro que você ficou triste, mas não adianta que o patrão acha que numa assim ele sempre tem razão... O que é um bocado injusto.
      Com atestado médico sua patroa não vai ter muito o que falar.

      Hum... Mas, você tem mesmo capacidade para trabalhar por conta própria, se não desenhando, até mesmo fazendo artesanato! Sei que às vezes dá receio trabalhar por conta própria, mas alguém controlada com as finanças como você, de certo que não teria problema.

      Excluir
    10. verdade patrão é patrão...
      Não na verdade a única coisa que pode fazer é implorar para trabalhar mesmo de baixa (ja fez isso a algumas)

      Eu ainda sonho com isso... mas acho que devia ter mais estabilidade financeira para me lancar por conta propria

      (eu tive aqui em reunião familiar e todos disseram que não ir nessa fábrica porque é ambiente fechado e nada saudavel)

      falando em coisas boas eu hoje achei aguarelas tou morta por experimenta-las ^^"

      Excluir
    11. Como assim achou aquarelas? ^^" Você estava pesquisando algo na internet?
      Tá certo, sua família com certeza sabe o que é melhor para você.

      Excluir
    12. Achei sim! Eu andava pesquisando, ate vi alguns vídeos, aguarela dá um efeito tão suave... ó não sei se comprei as melhores folhas para aguarela
      Minha mãe simplesmente perguntou se tirando a patroa ser chata se eu gostava de lá.. eugosto ora^^"
      Ai ela disse para então tentar ignora-la e procurar com calma algo que eu goste e para aproveitar as férias primeiro (coisa estranha...não ficar reclamando de sair todos os dias)

      Excluir
    13. Já vi que vai pintar bastante e desenhar nas férias. :)
      Estranho quem não ficar reclamando? Sua mãe?

      Excluir
    14. preciso é ter tempo kkkk
      Sim minha mãe...
      Amanhã vou até ao Porto com a Riku, o namorado dela e o mano dela vamos até a livraria Lello e tentar ir a ais alguns sitios, quarta vamos todos ao cinema, quinta vou trabalhar para a minha irmã ter folga, sexta vamos fazer passeio de comboio no douro vinhateiro *-*
      sabado meu pai vai fazer uma endoscopia e eu tenho que fazer exame ocular que o de hoje não foi fiavel... então nao combinemos nada e domingo tenho um casamento e acabam-se as férias

      Excluir
    15. Minha nossa! Com tanto compromisso realmente vai ficar difícil arrumar tempo para desenhar. Mas, a parte disso é bom sair a principalmente aproveitar o tempo vom a Riku que não está sempre por perto.
      As férias das crianças também estão quase acabando...

      Excluir
    16. Verdade! Mas a gente tinha tanto sitio que queria ir que acabou desse jeito ^^"
      Sim.... eu realmente queria ter um tempo com ela, sinto falta dela por perto diariamente
      Não vai tirar uns dias para aproveitar com elas?

      Excluir
  3. Amanhã as crianças devem ir ao cinema. E se o tempo continuar bom estamos com vontade de fazer um piquenique no bosque do museu.
    Acabou que eu trabalhei mais ainda nas férias (mas as férias não são minhas mesmo...)

    ResponderExcluir
  4. Qual filme eles vao ver? Eu vou quarta ver carros 3
    Fazer piquenique é tão fixe :)
    Imagino... ao menos que trabalhar mais tenha valido a pena

    ResponderExcluir
  5. Acho que irão assistir Meu malvado favorito 3 (aí esse desenho deve ter outro nome, eu suponho).
    Sim, eu adoro o Bosque do Museu... É muito relaxante, adoro olhar o céu através das copas altas das árvores.
    olha, eu espero que sim... Mas, no momento tô é louca para escrever (tô fazendo o jantar agora.)

    ResponderExcluir
  6. tem sim é "Gru o Maldisposto" Aqui já esta só nas sessões da noite por ser a ultima semana nos cinemas
    Imagino... a sensação que tenho é dai as arvores serem bem altas ^^"
    Escrever ainda vale ouro! eu vou deixar minha escrita para amanha de manhã
    E bem Mel eu vou ter de sair
    Beijinhos e até amanhã <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, acabei de ver o trailer de Gru o Maldsiposto no Youtube e parece bem engraçado, rsrs...
      São sim, as árvores do bosque são centenárias.
      Agradeço pela conversa, RIMA!
      Até amanhã. :)

      Excluir

Oi! (◍•ᴗ•◍)
Veio comentar?
Cada autor desse blog recebe um imenso incentivo a cada comentário.
(Comentários anônimos também são bem vindos ^^")
Agradecemos sua opinião! ٩(๑•◡•๑)۶
Mas, se for apenas comentar sobre erros de gramática, isso é dispensável.

Siga-nos no Facebook

o
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...